TI INSIDE Online -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Tesalia do Brasil compra 30% de participação na gestora de fundos Invest Tech

Postado em: 05/10/2016, às 19:59 por Redação

A Invest Tech, gestora de fundos de venture capital e private equity, anunciou sua nova composição societária, com a compra de 30% de participação na companhia pela Tesalia do Brasil. Com isso, os sócios-fundadores da Invest Tech, Miguel Perrotti e Maurício Lima, assumirão as funções de presidente do Conselho de Administração e CEO, respectivamente. Já à frente da Tesalia está Santiago F. Valbuena, que foi diretor-presidente da Telefónica Latinoamerica por três anos e CFO global do grupo espanhol por nove anos. No Brasil, a empresa é representada por Gilmar Camurra, CFO da Telefonica/Vivo por 14 anos e responsável pelo desenvolvimento de ativos no Brasil para receber investimento do grupo.

"Nossa proposta é desenvolver a Tesalia do Brasil junto às outras iniciativas da empresa, criando uma ponte entre as oportunidades brasileiras e os investidores europeus. Acreditamos que o Brasil está começando um período de recuperação econômica, que apresentará muitas oportunidades para os investidores. Agora que os juros europeus são quase zero (ou mesmo negativos), há um movimento de procurar novos investimentos com retorno positivo, sem ficar com o risco cambial. A parceria com a Invest Tech é uma forma de termos presença local e permanente no Brasil, possibilitando proximidade com as boas oportunidades de investimento", comenta Valbuena.

Com a parceria, Invest Tech expande sua aproximação com players internacionais, tanto investidores como possíveis novas investidas, nas regiões da América Latina e Europa.

Em 2014 a Invest Tech consolidou o lançamento do seu segundo fundo de investimentos em participações, o Capital Tech II, com recursos de R$ 209 milhões obtidos de investidores internacionais e nacionais. São investidas desse fundo a Aker, e-Construmarket, Brasil/CT, Ahgora e Quality Software. No curto prazo, ainda há R$ 40 milhões a serem investidos.

De acordo com o responsável pela Invest Tech, Mauricio Lima, todas as investidas do fundo têm como característica a visão de longo prazo, um ponto fundamental para o sucesso do negócio. "Buscamos empresas que foram construídas para durar, para ser um projeto de vida longa, rentável para os sócios, os funcionários e o país", diz.

No ano passado, a Invest Tech iniciou seu planejamento estratégico até 2020 e identificou oportunidades de crescimento e possíveis riscos. O trabalho identificou a necessidade de reforço na estrutura de capital e as possibilidades de alavancagem da empresa. A Invest Tech tem uma estrutura bem montada e baseada em processos. Mas as mudanças estruturais do mercado — necessidade de maior governança por mudanças na legislação, redução da presença dos investidores tradicionais e maior concorrência no longo prazo — põem em risco as vitórias da gestora. O movimento de buscar novos sócios está em linha com a visão de longo prazo e crescimento que os fundadores precisam consolidar.

Nesse sentido, a Invest Tech está em fase de captação de um novo fundo com capital estimado de R$ 80 milhões e previsão de ser lançado ainda neste ano, com foco em empresas inovadoras com faturamento anual de até R$ 20 milhões. Além deste, a gestora quer alavancar os relacionamentos históricos e os dos novos sócios para lançar, em breve, o Invest III, no mesmo formato do fundo II, mas com um time complementar e escopo de investimento mais amplo.

RSS
Facebook
Twitter
LinkedIn

Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)

Top
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial