TI INSIDE Online -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Desconfiança impede aumento das compras no e-commerce, diz empresa

Postado em: 11/02/2019, às 20:30 por Redação

A Minsait, uma empresa Indra, mostra em estudo sobre meios de pagamento que os brasileiros dominam o meio online para fazer compras – porém ainda não se sentem tão seguros quanto seus pares na América Latina para confiar no ambiente online como um dos principais meios para realizar esse tipo de atividade.

De acordo com a pesquisa, o Brasil lidera em número de consumidores que já compraram online pelo menos uma vez (94,6%). Em seguida, aparecem o Chile (93,5%), Argentina (91,6%), Colômbia e México (90,9% e 90,8%, respectivamente).

Contudo, a frequência de compras varia bastante entre os países: enquanto a maioria dos consumidores nos demais países compra online uma vez por mês, grande parte dos brasileiros consome de maneira mais esparsa: uma vez a cada três meses.

A diferença pode ser explicada pelo nível de segurança observado na hora de efetuar compras online. A Argentina lidera em segurança, com 78,7% dos consumidores que se declaram totalmente ou bastante seguros, seguida pelo Chile (73,2%), México (68,6%) e Colômbia (66,8%). O Brasil aparece em penúltimo lugar, com 62,7% dos consumidores se sentindo bastante seguros – índice apenas superior ao dos peruanos, de 56,4%.

O estudo foi realizado com a colaboração de Analistas Financeiros Internacionais (AFI) e contou com as opiniões de numerosos executivos do setor bancário e clientes bancarizados da Espanha, Portugal e América Latina.

RSS
Facebook
Google+
http://tiinside.com.br/tiinside/11/02/2019/desconfianca-impede-aumento-das-compras-no-e-commerce-diz-empresa/
Twitter
LinkedIn

Tags: , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial