TI INSIDE Online -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Resource investirá em aquisições para crescer e abrir o capital até 2016

Postado em: 23/11/2011, às 17:51 por Victor Hugo Cardoso Alves

Ganhar massa crítica para conseguir abrir o capital entre 2015 e 2016 é a finalidade do planejamento estratégico traçado pela integradora brasileira de soluções e serviços de TI Resource. O plano terá como base o investimento em aquisições, além da expansão geográfica nacional e, principalmente, internacional. A empresa estima faturar R$ 270 milhões neste ano, o que representa um crescimento de 35% ante os R$ 204 milhões de 2010. Para 2012, a expectativa é crescer 30% e obter faturamento de R$ 350 milhões.  Em 2103, a Resource vislumbra elevar a cifra para R$ 500 milhões e ultrapassar a casa dos R$ 800 milhões até 2015, quando passará a pensar em fazer sua oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês).

O presidente da Resource, Gilmar Batistela, adiantou que a companha já vem mantendo negociações com duas empresas que devem ser adquiridas no ano que vem, entretanto admitiu que as tratativa ainda estão em estágio inicial. O executivo disse que a meta da companhia até o fim do primeiro trimestre de 2012 é que incorporação da BBKO, empresa adquirida pela Resource neste ano, está concluída.

“A partir do segundo trimestre do ano que vem iremos intensificar as negociações para finalizarmos as compras. A ideia é adquirir mais duas empresas", revelou Batistela, antecipando que uma delas é da América Latina. Para as aquisições, a Resource utilizará recursos do próprio caixa, mas em algum momento deve recorrer à financiamentos. Ela também  admite vender uma participação minoritária para algum fundo para levantar mais recursos.

"Nossa meta é sermos consolidadores para crescermos de maneira acelerada. A empresa precisa ter porte para realizar o IPO e para obter rápida expansão precisamos concretizar aquisições. O avanço orgânico apenas não permite a expansao dos negócios na velocidade que queremos", disse Batistela. O plano da Resource é adquirir empresas com faturamento de R$ 50 milhões a R$ 60 milhões e que agreguem soluções complementares ao seu portfólio ou uma boa carteira de clientes, para que possa efetuar vendas cruzadas.

Neste ano, a companhia abriu um escritório em Belo Horizonte e outro em Itajaí, no Paraná. No momento, ela trabalha na estruturação de uma filial em Salvador para atender ao crescimento da região Nordeste. No âmbito internacional, a Resource pretende investir R$ 5 milhões nos próximos dois anos para expandir sua presença na América Latina. Neste ano, ela abriu operações na Argentina e Chile, que ainda receberão aportes no ano que vem. Os próximos alvos são Colômbia e México. Inicialmente, a operação chilena atuará com soluções SAP, fábrica de software e serviços para o segmento de meios de pagamentos. A subsidiaria argentina, por sua vez, será responsável pelo suporte a clientes e projetos globais na região.

Para auxiliar a empresa no processo de governança necessário para a abertura de capital, assim como para contribuir com seu processo de expansão, a Resoruce anunciou a chegada de Rogério de Oliveira, ex-presidente da IBM para a América Latina, que ocupará o cargo de presidente do conselho consultivo da empresa.

Tags:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top