TI INSIDE Online -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Fundo inicia disputa para trocar Conselho e reformular modelo de negócio do Yahoo

Postado em: 24/03/2016, às 16:17 por Erivelto Tadeu

Os rumores que haviam ganhado intensidade no início deste mês se confirmaram. O fundo de hedge Starboard Value, especializado em campanhas de acionistas ativistas, anunciou que lançará uma "proxy fight" (disputa entre acionistas com objetivo de conquistar o controle administrativo da empresa) para nomear nove diretores para o Conselho de Administração do Yahoo, de acordo com uma carta a qual o The Wall Street Journal teve acesso. O anúncio ocorreu algumas semanas após a empresa anunciar a nomeação de dois novos diretores para o board.

O fundo de hedge há tempos vem pressionando por uma "grande reforma" no Yahoo, com mudanças na gestão e no modelo de negócio, corte de custos e para que a empresa faça a separação (spinoff) de sua participação no Yahoo Japan e, inclusive, torne independente o seu negócio de internet. A empresa chegou até mesmo a defender que o Yahoo venda ativos de web estratégicos, como o Yahoo Sports e Yahoo Mail.

A carta da Starboard diz que a diretoria e o Conselho de Administração não cumpriram suas próprias promessas, e não têm uma decisão confiável se o Yahoo deve ou não se tornar uma empresa independente.

A decisão do fundo de hedge de lançar uma proxy fight coloca ainda mais pressão na CEO do Yahoo, Marissa Mayer. O Conselho de Administração já iniciou um processo para vender seu negócio de internet, enquanto Mayer está tentando melhorar os resultados financeiros por meio do corte de custos e melhoria do enfoque em áreas-chave, incluindo busca na internet e conteúdo.

Se a proxy fight da Starboard for bem-sucedida, aumentam as chances de venda e o desmantelamento da empresa, que detém participações valiosas na gigante chinesa do comércio eletrônico Alibabae no Yahoo Japan. O fundo alertou que "reverter o foco do negócio é extremamente difícil", por isso conclama que o Conselho a manter a mente aberta, pois acredita que existam vários "compradores interessados e confiáveis".

Alguns bancos escolhidos pela empresa entraram em contato com potenciais pretendentes, incluindo a Verizon Communications, a InterActiveCorp (IAC) e a Time, bem como os fundos de private equity TPG e KKR & Co., mas as conversas estão em estágio inicial. Na carta, a Starboard diz que está lançando a proxy fight, em parte, por causa das preocupações sobre o processo e da relutância do Conselho em dar voz ao fundo de hedge.

O Yahoo é um dos pioneiros da internet e tem lutado para se reinventar devido à mudança no mercado trazida pelos smartphones e redes sociais. Alguns executivos tentaram e não conseguiram retomar o crescimento da empresa antes da chegada de Mayer em 2012. Mas ela também não tem conseguido operar uma reviravolta no negócio em mais de três anos como presidente-executiva. Suas incursões em software móvel, vídeo online e buscas não produziram nenhum crescimento significativo em número de usuários ou receita, e comerciantes e anunciantes continuam a concentrar os gastos em internet no Google e no Facebook.

Para este ano, a estimativa é que a receita da empresa com anúncios digitais gera US$ 2,83 bilhões, o que representa uma queda de 13,9% em relação a 2015, segundo a empresa de pesquisa de publicidade online eMarketer. Se confirmada, esta será a maior queda anual nas vendas de publicidade digital do Yahoo, desde que a eMarketer começou a fazer as pesquisas há seis anos.

RSS
Facebook
Google+
http://tiinside.com.br/tiinside/24/03/2016/fundo-starboard-value-inicia-disputa-para-tentar-trocar-conselho-de-administracao-do-yahoo/
Twitter
LinkedIn

Tags: , , , , , , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial