TI INSIDE Online -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Ministro nega rumores sobre atraso e reitera que iPad estará no mercado no Natal

Postado em: 26/09/2011, às 18:03 por Victor Hugo Cardoso Alves

Apesar de a Foxconn não se pronunciar sobre quando deve começar, de fato, a produzir o iPad no Brasil, o ministro da Ciência e Tecnologia e Inovação, Aloizio Mercadante, reiterou nesta segunda-feira, 26, que o tablet da Apple deve ser fabricado no país até o fim do ano, rebatendo rumores no mercado de que a montagem local do produto possa ser adiada. Ele garantiu que o equipamento estará à venda nas lojas no período Natal, e o iPhone antes dessa data. Fonte próxima ao assunto, ouvida por este noticiário, disse, no entanto, que é muito difícil que a produção e venda locais do iPad ocorra ainda neste ano, embora a do iPhone deva, realmente, acontecer.

Uma das razões para a prorrogação da produção do iPad no país, segundo a fonte, reside no fato de a companhia não ter certeza de que conseguirá cumprir as exigências do Processo Produtivo Básico (PPB) para aquisição de componentes produzidos localmente. Além disso, mesmo que houvesse uma flexibilização do PPB, como vem sendo cogitada – embora difícil de ser concretizada -, com a alta do dólar, o impacto nos preços dos componentes é praticamente imediato. Com a moeda americana a  R$ 1,55, como chegou a ser negociada em agosto, a Foxconn podia importar esses componentes a baixo custo. Com o dólar acima de R$ 1,80, a margem de manobra é muito pequena. Esse fato, aumenta a competitividade do Brasil e permite espaço para a compra de compenentes fabricados no Brasil, cujos custos dos componentes, com o dólar alto, ficam mais competitivos em relação aos importados. “Isso não é problema, não será empecilho. No Natal teremos à venda iPad produzido no Brasil. O iPhone vem antes disso”, garantiu Mercadante.

O que se sabe de concretro é que até pouco tempo atrás os funcionários contratados pela Foxconn para a produção dos equipamentos estavam ociosos, segundo informou outra fonte próxima ao assunto. Além disso, a questão do treinamento dos funcionários seria outro motivo que vem retardando o processo. Diante disso, a mesma fonte calcula que a fabricação do iPhone comece entre outubro ou novembro e a do iPad, somente em 2012.

Fábrica de LCD

Uma das exigências do governo para concessão do PPB para os tablets é que 50% das telas de cristal líquido (LCD) deverão ser fabricadas localmente até 2014. Para garantir isso, o governo segue negociando com a Foxconn. Mercadante diz que as tratativas estão em estágio avançado, mas admite que ainda falta encontrar empresas brasileiras capacitadas e que tenham interesse em investir para se tornarem sócias do projeto. “Além disso, questões de necessidade de capacidade energética e melhor infraestrutura logística e aeroportuária também devem ser superadas para permitir a criação de uma fábrica de telas de LCD para tablets e smartphones”, avalia o ministro.

Tags: , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top