TI INSIDE Online -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Facebook cria conselho independente para monitorar posts

Postado em: 28/01/2019, às 20:03 por Redação

O Facebook divulgou nesta segunda-feira,28,  que está construindo um conselho externo independente com autoridade para decidir que tipo de postagens são permitidas na rede social. É uma tentativa de separar a plataforma das questões de conteúdo mais espinhosas que a colocaram sob o microscópio à medida que ela navega políticas sobre discurso de ódio, intimidação, nudez e outros assuntos sensíveis.

O Facebook diz que obedeceria a qualquer regra do novo conselho, a menos que houvesse ramificações legais. "O conselho será capaz de reverter as decisões do Facebook sobre permitir ou remover certas postagens na plataforma", disse o Facebook em seu documento preliminar.

Não está claro, por exemplo, se ele dirá se as contas foram banidas ou se apenas determinará certas postagens.  O conselho, que o Facebook diz que gostaria de ter em vigor até o final do ano, provavelmente será composto por cerca de 40 pessoas com experiência em temas como liberdade de expressão, direitos civis, privacidade, jornalismo e outros campos, disse a empresa. no anúncio.

O comunicado explica que "no ano passado, o CEO Mark Zuckerberg e a COO Sheryl Sandberg testemunharam separadamente perante o Congresso e enfrentaram questões sobre como o Facebook classifica seu conteúdo. Legisladores conservadores, em particular, têm sido sinceros, alegando que as vozes de seus partidários estão sendo constrangidas. Enquanto isso, as pessoas do outro lado do espectro político têm se preocupado com a consultoria do Facebook com certos grupos conservadores ao estabelecer diretrizes de conteúdo".

Vamos procurar responder a estas questões nos próximos seis meses em uma série de workshops em todo o mundo, onde convocaremos especialistas e organizações que trabalham em uma série de questões como liberdade de expressão, tecnologia e democracia, justiça processual e direitos humanos. Organizaremos esses workshops em Cingapura, Nova Déli, Nairóbi, Berlim, Nova Iorque, Cidade do México e muitas outras cidades – solicitando opiniões sobre como melhor projetar um conselho que defenda nossos princípios e traga um julgamento independente aos casos difíceis.

Ao mesmo tempo, sabemos que não conseguiremos alcançar todas as partes interessadas apenas por meio de workshops regionais. Mais importante, não queremos limitar as contribuições ou o feedback a um grupo de especialistas com os quais trabalhamos com frequência. Estamos interessados em ouvir de uma ampla gama de organizações, grupos de reflexão, pesquisadores e grupos que possam ter propostas de como devemos responder a estas questões críticas. Anunciaremos mais sobre como as propostas podem ser enviadas nas próximas semana.

RSS
Facebook
Google+
http://tiinside.com.br/tiinside/28/01/2019/facebook-cria-conselho-independente-para-monitorar-posts/
Twitter
LinkedIn

Tags: , , , , , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial