TI INSIDE Online -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Valid encerra exercício de 2015 com Ebitda de R$ 307,2 milhões e lucro líquido de R$ 133,1 milhões

Postado em: 30/03/2016, às 20:10 por Redação

A Valid, empresa de tecnologia de meios de pagamento e identificação, divulgou nesta quarta-feira, 30, os resultados do quarto trimestre e do exercício de 2015. A empresa encerrou o ano com lucro líquido de R$ 133,1 milhões, cifra 20,9% acima dos R$ 110,1 milhões registrados em 2014. A receita totalizou R$ 1,63 bilhão em 2015, o que representa um crescimento de 26,3% na comparação com o ganho de R$ 1,29 bilhão apurado um ano antes.

No ultimo trimestre, o lucro da Valid totalizou R$ 23,5 milhões, o que representa uma queda de cerca de 13% em relação aos R$ 27 milhões obtidos um ano antes. A receita no quarto trimestre somou R$ 446,5 milhões, alta de 24,5% na comparação com os R$ 358,6 milhões contabilizados em igual período de 2014,

A geração de caixa medida pelo Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciações e amortizações) teve um salto de 15,2% em relação a 2014, passando de R$ 266,7 milhões para R$ 307,2 milhões no acumulado de 2015, com margem de 18,1%, o que representa uma redução de 1,7 ponto percentual se comparado ao ano anterior.

O informe destaca os resultados da divisão de telecom, que mesmo diante de um cenário global de baixa demanda, apresentou um crescimento na receita líquida em 2015 de 66,3% (R$ 307,8 milhões) e 53,6% no Ebitda (R$ 79,4 milhões), se comparados com 2014. O mesmo ocorreu com a unidade certificadora digital, cuja receita totalizou R$ 55 milhões no acumulado do ano, com crescimento de 44,4%.

Segundo o relatório, a expansão se deu principalmente pelo aumento da participação em novos países, como EUA e México, e através da aquisição da fabricante dinamarquesa de SIM cards Fundamenture, já consolidada nos resultados no quarto trimestre. De acordo com a empresa, em 2015, cerca de 70% da receita da divisão de telecom foram provenientes de operações fora do Brasil.

Já em meios de pagamento na América Latina, o cenário se agravou ao longo de 2015 devido a uma diminuição no volume, ligada diretamente ao aumento da concessão de crédito pelos bancos e ao aumento do custo da matéria prima atrelado ao dólar, fazendo com que a divisão apresente uma redução de 38,4% de seu Ebitda, se comparado ao mesmo período do ano anterior.

O relatório informa ainda que, em agosto de 2015, a empresa anunciou a venda de sua participação na M4U por R$ 60 milhões, que ainda aguarda autorização por parte do Banco Central para que seja concluída. Neste ano, o desafio, ressalta a empresa, será integrar duas aquisições realizadas, buscando capturar as sinergias esperadas no curto e médio prazo, além de enfrentar o atual cenário econômico brasileiro, com alta inflação e taxa de juros interna.

RSS
Facebook
Twitter
LinkedIn

Tags: , , , , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)

Top
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial