TI INSIDE Online -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Consultoria prevê salto em produtividade mundial com a economia 4.0

Postado em: 22/02/2018, às 19:25 por Redação

A economia digital, ou a digitalização dos processos econômicos e produtivos que o mundo está atravessando, é um processo que acaba de começar e cujo auge poderá ocorrer nos próximos 5 ou 10 anos, indicou Alejandro Prince, diretor da empresa Prince Consulting no seminário web, Economia 4.0, realizado pela 5G Americas. O analista e docente reforçou que, nesta transformação, a Internet "é e será o tecido conectivo, colaborativo, coletivo e cognitivo da sociedade, da economia e do governo".

Por sua vez, o diretor da 5G Americas para América Latina e Caribe, Jose Otero, expôs sobre as perspectivas das telecomunicações neste aspecto e apontou que "para que a economia digital seja viável, necessitamos de uma infraestrutura capaz de suportá-la.

Daí a necessidade de entregar espectro radioelétrico adicional às operadoras e de incrementar a quantidade de fibra desenvolvida nos mercados. Já temos superado o ponto de saturação em linhas móveis para indivíduos; em 2017 contávamos com aproximadamente 120% de penetração em toda a região da América Latina. Para 2022, a grande maioria das conexões móveis serão de banda larga. Se todos os seres humanos já possuem uma conexão, vamos até as máquinas, a Internet das Coisas e a digitalização de todos os setores produtivos da economia".

Prince destacou que os especialistas e acadêmicos que investigam estes processos esperam que nos próximos 15 anos aproximadamente ocorra um novo "Século Dourado", como o que vivemos na Era Industrial entre 1870 e 1970, do vapor até a era do consumo, no qual se produzirá um novo salto de produtividade.

Vários autores dizem que estamos próximos a um novo salto de produtividade superior a 30%, mas mostram que, embora tenhamos muito informatizada a infraestrutura digital, ainda o transporte, a produção de energia, a saúde e a produção, entre outras áreas, requerem uma transformação digital que acaba de começar. Isso vai ocorrer ou convergir dentro de uns 15 anos". Também houve alerta de que se necessita de uma nova infraestrutura regulatória ou legal para ordenar estas mudanças.

De acordo com o analista, algumas das promessas da transformação digital "se cumprem, algumas mais lentamente, e outras são postas em dúvida por acadêmicos e economistas". Prince reforçou da necessidade de compreender que "além da velocidade monstruosa e aceleração do mundo tecnológico, as verdadeiras reformas do mundo das organizações, das empresas, de tudo o que atravessa a vida, adquirem um tempo humano".

Tags: , , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top