Grupo RFM conclui migração para o SAP S/4HANA

0
15

O Grupo RFM – empresa com 40 anos de mercado, 140 funcionários e mais de 1 mil colaboradores alocados em seus projetos – concluiu em novembro de 2019 a migração do sistema de gestão da empresa para o novo ERP digital SAP S/4HANA. O objetivo é modernizar a gestão e preparar a companhia para a estratégia de crescimento nos próximos anos.

O projeto foi apoiado pela Essence, parceiro da SAP, que utilizou o software desenvolvido internamente para agilizar a migração dos dados do SAP ECC para a nova plataforma.

Carlos Henrique Studenroth, CFO da RFM, explica que a implementação foi extremamente rápida a partir de um planejamento realizado em outubro quando definiram a equipe necessária para liderar o projeto e acompanhar o processo de migração dos dados, que durou menos de 30 dias.

Antes do go-live, a equipe da RFM realizou com a Essence uma rodada de cinco dias de testes integrados entre as diversas áreas, incluindo contábil, financeira, compras e fiscal. Para concluir a operação e iniciar com o SAP S/4HANA, a empresa aproveitou uma janela de feriado em novembro.

"Dessa forma, não ficamos em nenhum momento sem o ambiente. Saímos do SAP ECC direto para o SAP S/4HANA. Na segunda-feira seguinte, o time da Esssence esteve conosco para nos ajudar com qualquer dificuldade, orientar os colaboradores e, ao final das primeiras quatro horas, o ambiente estava 100% operacional", recorda Studenroth.

O executivo ressalta que a meta de crescimento da RFM para 2020 é de 40% e que a adoção do SAP S/4HANA vai contribuir para conectar os diversos projetos, aperfeiçoando a posição em relação aos processos de compras, com informações estruturadas para tomada de decisão, melhor controle e gestão financeira dos projetos. "A adoção do SAP S/4HANA trouxe maior agilidade nos processos de fechamento, acesso às transações e simplicidade para gerar diferentes tipos de relatórios analíticos. Com ativação do SAP Fiori, por exemplo, temos muito mais facilidade para visualizar as informações voltadas à estratégia da empresa", explica Studenroth.

"O projeto com a RFM mostra o potencial do SAP S/4HANA para acelerar a jornada das empresas para a Transformação Digital. A RFM já se beneficiou da melhoria da usabilidade: seus usuários acessam as telas em Fiori, uma interface moderna e intuitiva, para executar os processos na empresa. Houve redução das atividades manuais de controles paralelos, uma vez que os relatórios integrados aos processos já trazem as informações e as ações que os usuários devem tomar", comenta a vice-presidente de Ecosystems da SAP Brasil, Carolina Bastos.

A executiva também destaca a iniciativa bem-sucedida do parceiro Essence, centrada no relacionamento de longa data com o cliente e por utilizar novas tecnologias em um projeto personalizado e sob medida para as necessidades da RFM.

A solução da Essence

Batizada de MIG25, a solução criada pela Essence está apoiada em recursos de Inteligência Artificial e Machine Learning e elimina a necessidade de intervenções manuais, o que reduz drasticamente o tempo dos processos de migração e também o número de profissionais dedicados. O software permite adoção para projetos em diversas modalidades, seja on premise ou na nuvem.

Um dos destaques do processo de migração adotado pela Construtora RFM é a conversão automatizada que funciona sem interrupções, com maior acuracidade e produtividade. Paulo Secco, diretor de Cloud da Essence, afirma que a solução desenvolvida pela empresa irá impulsionar a transformação digital nas empresas de forma segura, veloz e simplificada.

Deixe seu comentário