Brasil se torna o segundo país com maior número downloads de apps de compras

0
17

O último trimestre de 2021 deve ser a temporada de compras de fim de ano mais mobile de todos os tempos. É o que diz o estudo da plataforma de analytics de marketing mobile Adjust, que lançou hoje o E-commerce App Report 2021: Principais Tendências nas Compras Mobile com Insights do Sensor Tower. O relatório global mostra que a receita in-app cresceu consideravelmente em 2021. Com base nas tendências de receita de aplicativos de e-commerce em 2020 — quando outubro, novembro e dezembro superaram os nove meses anteriores — a temporada de compras deve atingir patamares ainda maiores este ano.

O Brasil foi destaque e registrou o segundo maior número de downloads de aplicativos de e-commerce em 2021, superando a China e ficando atrás apenas da Índia. O aplicativo Shopee foi o mais baixado da categoria em 2021, e deve o seu sucesso principalmente ao mercado brasileiro, que liderou o número de downloads do aplicativo globalmente com aproximadamente 32% do volume total. Vale dizer que em 2019 a empresa não figurava no TOP 10 global, registrando a força do mercado brasileiro em compras mobile nos últimos anos.

Globalmente, os consumidores estão passando mais tempo in-app por dia, com as durações das sessões de 10,56 minutos em 2021 até o momento. Existe uma grande expectativa para a América Latina, que registrou o seu maior aumento do tempo de sessões em 2020 durante o período de compras de final de ano. A tendência é que em 2021 os usuários passem ainda mais tempo em aplicativos de e-commerce.

"O mobile emergiu como líder no e-commerce", disse Paul H. Müller, cofundador e CEO da Adjust. "O mais impressionante é que os aplicativos de e-commerce conseguiram reter os usuários adquiridos e continuaram a crescer e a obter ainda mais consumidores novos. É uma prova da capacidade do mobile de fornecer experiências convenientes e otimizadas para o usuário. Reter consumidores fiéis é uma forma das empresas continuarem crescendo durante a época de compras até o ano novo."

iOS 14.5+ e o opt-in

Os dados da Adjust mostram que a taxa de opt-in no App Tracking Transparency (ATT) em aplicativos de e-commerce é de aproximadamente 17% — bem acima das projeções iniciais. A Adjust prevê que as taxas de consentimento continuarão subindo com o tempo, conforme os usuários entenderem melhor o valor de anúncios relevantes.

Descobertas adicionais importantes sobre o crescimento global e regional em relação ao engajamento em aplicativos de e-commerce em 2021 incluem:

• As instalações globais de aplicativos de e-commerce cresceram 10% em 2021 em comparação com 2020. As instalações também cresceram regionalmente na EMEA (15%), LATAM (11%) e APAC (9%).

• As sessões tiveram o maior aumento de 2021 em LATAM até o momento, para 27%, em comparação com o crescimento global de 12%.

• A taxa de crescimento orgânico/pago caiu consideravelmente na América Latina em 2021: para 0,23 e 0,24 no 1º / 2º trimestre de 2021, em comparação com 0,49 e 0,47, respectivamente, no ano anterior, refletindo o crescimento orgânico na região.

"O comércio mobile finalmente se expandiu para além dos mercados consumidores tradicionais para se tornar um fenômeno global, com LATAM e APAC apresentando um crescimento explosivo", disse Randy Nelson, Chefe de Mobile Insights no Sensor Tower.

"Os números mostram que o Brasil é uma potência no mercado de m-commerce e deve registrar números ainda maiores que os de 2020, agora em 2021. É esperado que os gigantes do varejo e as marcas novas obtenham resultados ainda mais expressivos nos canais digitais durante esta temporada de compras nesse fim de ano," Comenta Guilherme Kapos, diretor de vendas da Adjust no Brasil.

O relatório completo, incluindo a metodologia, está disponível para ser baixado aqui.

Deixe seu comentário