Publicidade
Início Comunicações Mobile Sinch e Wavy anunciam fusão com expectativa de acelerar negócios na AL

Sinch e Wavy anunciam fusão com expectativa de acelerar negócios na AL

0
Publicidade

A Sinch anuncia a fusão com a Wavy Global para promover a inovação globalmente e construir uma posição de liderança em mensagens móveis na América Latina. Comunicado pela primeira vez em março de 2020, o fechamento da transação segue a aprovação dos reguladores e reúne a Wavy e a ex-TWW, uma das maiores provedoras de mensagens móveis para empresas no Brasil, que foi adquirida pela Sinch no final de 2019. A empresa passa a atender a mais de 3.000 outras companhias, grandes e pequenas, incluindo muitas das principais empresas do Brasil nos setores de bancos, varejo e educação.

A Wavy fazia parte do Grupo Movile, um dos principais investidores e aceleradores de crescimento para empresas de tecnologia da América Latina, e se estabeleceu como provedora líder de mensagens de negócios na região. A empresa alavancou com sucesso sua forte posição em mensagens de texto para construir um negócio impulsionado pela inovação e forte execução. É provedora líder de mensagens no Brasil e oferece serviços no México, Colômbia, Peru, Chile, Argentina e Paraguai.

A plataforma da Sinch está gerando mais de 107 bilhões de engajamentos a cada ano, com a capacidade de alcançar quase todos os telefones móveis do planeta, em segundos ou menos, por meio de mensagens móveis, voz e vídeo. Já a Wavy tem conexões diretas com mais de 50 operadoras móveis na América Latina e atualmente lida com mais de 13 bilhões de mensagens de negócios por ano. Os clientes corporativos que contam com os recursos de SMS da Wavy incluem Caixa, Atento e CitiBanamex. O forte compromisso com a inovação na Wavy também desenvolveu uma posição de liderança em mensagens conversacionais de próxima geração no WhatsApp. Os clientes neste segmento incluem iFood, Avon e PepsiCo, e esse tipo de negócio está tendo um crescimento ano a ano acima de 250%.

 

SEM COMENTÁRIOS

Deixe seu comentário

Sair da versão mobile