Apple prevê economizar US$ 9,2 bi em impostos com emissão de títulos

0
13

A Apple pretende economizar US$ 9,2 bilhões com impostos ao emitir títulos para financiar parte da recompra de ações e distribuição de dividendos. Conforme anúncio feito no dia 30 de abril, serão colocados à venda no mercado US$ 17 bilhões, valor recorde para este tipo de operação nos Estados Unidos.

A operação é uma manobra da empresa para levantar recursos . Apesar de ter grandes reservas em caixa, uma boa parcela está em mercados internacionais nos quais opera. E a venda de títulos é a maneira encontrada pela Apple de evitar repatriar o montante e ter de pagar pesados impostos ao governo americano.

Segundo Gerald Granovsky, vice-presidente sênior da agência de classificação de risco de crédito Moody's, a Apple pagará "apenas" US$ 308 milhões ao ano de juros aos compradores dos títulos. Ainda por cima, o pagamento será dedutível dos impostos, ressalta Granovsky ao site Sillicon Valley.

Para se ter uma ideia do peso da Apple para a receita do governo dos EUA, apenas no ano passado foram pagos US$ 6 bilhões em tributos federais. Ou seja, um a cada US$ 40 arrecadados pelo governo Obama vem da fabricante do iPhone. "Isso faz da Apple uma das organizações que mais paga impostos no país, se não a maior delas", diz o porta-voz da companhia, Steve Dowling.

Deixe seu comentário