Telefónica obtém aporte de 200 milhões de euros para a compra de smartphones BlackBerry

0
2

O grupo Telefónica, controlador da Telefônica/Vivo no Brasil, deverá receber um aporte de 200 milhões de euros da agência de crédito Export Development Canada (EDC) para a aquisição de smartphones, serviços e soluções da BlackBerry. Em comunicado emitido nesta quinta-feira, 4, a EDC diz que a linha de crédito será utilizada pela companhia espanhola em suas operações globais — atualmente a empresa atua em 24 países e possui uma base de 315,7 milhões de assinantes.

Isso significa que a BlackBerry está recebendo uma grande ajuda para tentar retomar seus negócios e impulsionar o seu no novo sistema operacional, o BlackBerry 10 (BB10). A EDC é uma agência de crédito que ajuda empresas canadenses a exportar para o mercado internacional. É uma entidade autofinanciada, mas possui operação ligada ao governo do Canadá. No comunicado, ela também afirma que a intenção é "facilitar" as transações entre a BlackBerry e a Telefónica, ajudando a melhorar e aumentar o relacionamento entre as empresas, que mantêm parceria desde 2006.

Recentemente, a BlackBerry anunciou que irá entregar entre abril e junho um lote de 1 milhão de dispositivos com o BlackBerry 10 para "um dos seus parceiros mais tradicionais" — especula-se no mercado que seja a BrightStar, companhia que atua como varejista para a operadora americana Verizon. Alheio a isso e ainda sem ter grandes reflexos do lançamento do BB10, no último balanço financeiro a companhia canadense apresentou lucro líquido de US$ 98 milhões, afastando de vez a tendência de prejuízo observada ao longo de 2012.

Deixe seu comentário