Hackathon virtual promove mercado de trabalho em empresas do Canadá

0
12

Com o objetivo de aquecer a economia e promover a imigração de profissionais para o Canadá, a VanHack, empresa canadense que ajuda brasileiros a trabalhar no mercado digital naquele país, promove o VanHackathon, hackathon virtual nos dias 20, 21 e 22 de maio, para conectar novos talentos a empresas.

A hackathon, que será voltada para profissionais formados em design e programadores de TI que possuem a intenção de trabalhar no Canadá e reunirá aproximadamente 20 empresas que estarão em busca de pessoas com essas habilidades para fazer parte da equipe.

O evento custará CAD$ 10 para profissionais participarem dessa interação, e poder ter acesso a cursos, consulta profissional pelo Linkedin, Webinars e vídeos semanais no site. Quem optar pelo pacote premium, além dessas facilidades, terá acesso à equipe de profissionais da empresa para auxiliar na capacitação e ingresso no mercado de trabalho canadense, suporte na criação do currículo, 2 horas de entrevista que será realizada em inglês, apresentações e vídeos exclusivos feitos pela equipe VanHack.

"Nosso objetivo é buscar novos talentos e auxiliar pessoas que querem trabalhar no Canadá, mas não encontram oportunidade ou para aqueles que acham que essa é uma realidade muito distante. Queremos quebrar barreiras físicas, promover troca de experiências e possibilitar o aumento do círculo de networking entre as duas partes envolvidas", afirma Ilya Brotzky, CEO da VanHack.   

Os profissionais de tecnologia que forem contratados poderão contar com um salário mensal de aproximadamente CAD$ 6 mil, que representa em torno de R$ 18 mil. Já os de design receberão em torno de CAD$ 4 mil. Também existe a possibilidade de ganhar emprego remoto e receber em dólar, aperfeiçoar seu inglês e aumentar seu network internacional.

"Queremos aproveitar que o Brasil é um país que possui profissionais altamente qualificados e ideias inovadoras, mas na maioria das vezes não existe oportunidade para todos eles. Em contrapartida, o Canadá possui muito mercado, mas há pouca mão de obra. Por isso, queremos oferecer trabalhos a essas pessoas e movimentar os setores de design e TI no país", reforça Brotzky.

Deixe seu comentário