Publicidade
Início Notícias Negócios IoT: PTC fecha parceria mundial com a Microsoft

IoT: PTC fecha parceria mundial com a Microsoft

0
Publicidade

A PTC anuncia parceria mundial com a Microsoft para disponibilizar a solução de inovação industrial ThingWorx na plataforma de nuvem Microsoft Azure, visando oportunidades em setores industriais, incluindo a indústria transformadora.

Ambas alinharam  tecnologia e  experiência para fornecer uma solução robusta para a IoT Industrial e para o gerenciamento do ciclo de vida de produtos digitais. No centro da solução estão o Microsoft Azure IoT e o ThingWorx Industrial Innovation Platform, que juntos permitem que os clientes inovem seus produtos e operações com conectividade de IoT, rica contextualização, orquestração de sistemas de negócios e inovadora interação do usuário por meio de realidade mista.

Segundo Ronaldo Oliveira, diretor Regional Latam Sul da PTC,  o mercado industrial da América Latina está maduro e demonstra muito interesse na solução de IoT na nuvem. A parceria já está funcionando no Brasil, em breve será a vez do México e, até o final de 2018, na Colômbia, Chile e Argentina. “Esta colaboração combina a experiência da Microsoft no negócio de nuvem inteligente com a posição de liderança da PTC em IoT, design de produto, fabricação e serviço.  Essa é exatamente a combinação que os clientes precisam para agregar valor em suas jornadas de transformação digital. Temos como meta finalizarmos esse ano com mais de 20 projetos fechados”, explica Oliveira.

“Nossa parceria com a PTC consolida como as empresas podem fazer cada vez mais uso inteligente dos seus dados. Nos próximos 10 anos, bilhões de dispositivos estarão conectados – são dispositivos inteligentes que podem ver, escutar, raciocinar, prever e muito mais. Esta é a fronteira inteligente e a interface entre os computadores e o mundo real. A fronteira usa a nuvem para coletar e dar sentido às informações, especialmente em cenários que são perigosos para os seres humanos ou exigem novas abordagens para solução – estejam eles no chão de fábrica ou na sala de cirurgia”, afirma Roberto Prado, diretor de Nuvem da Microsoft Brasil.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Sair da versão mobile