Startup do interior de SP anuncia solução de segurança para PMEs

1
0

A Netdeep Tecnologia, de Orlândia, anunciou o lançamento da mais nova edição do Netdeep Secure, uma solução de segurança criada especificamente para empresas com até 100  funcionários, que dispensa capacitação especializada em TI. Com esta versão, a Netdeep é o primeiro software de código aberto que possui recursos de um Next Generation Firewall.

De acordo com pesquisas recentes, em 2014, 62% das empresas permitia o uso de dispositivos pessoais de funcionários na rede corporativa. Embora as empresas saibam que as informações pessoais de seus clientes (25%), os pagamentos requeridos (13%) e os segredos comerciais (12%) estão entre as prioridades em termos de segurança de informações, as medidas de proteção que adotam são muito básicas, ficando a mercê, por exemplo, de produtos antimalware piratas ou gratuitos.

Segundo estudo do IDC para a Business Software Alliance (BSA), usuários de computadores do mundo todo dizem que o risco de terem suas máquinas infectadas com malware é o principal motivo pelo qual não utilizam software sem licença. No entanto, o uso global de softwares ilegais subiu de 42% em 2011 para 43% em 2013. No Brasil, este índice é de 50%. A  maioria dos produtos utilizados são "gratuitos" apenas para uso doméstico e não para empresas.

"O número é bastante preocupante. Metade das empresas brasileiras ainda toma pouco ou nenhum cuidado com cibersegurança, e isso mostra a falta de consciência sobre os prejuízos que apenas um incidente de segurança podem gerar, colocando em risco a perda ou roubo de informações, a reputação e até o futuro da empresa. Na Netdeep, levamos em conta as necessidades específicas das pequenas e médias empresas e também suas limitações, e desenvolvemos o Netdeep Secure, uma solução poderosa e fácil de usar a um preço acessível", conta André Ferreira, diretor da Netdeep Tecnologia.

O Netdeep Secure inclui tecnologias de nível empresarial, mas foi projetado especificamente para atender às necessidades de micro e pequenas empresas. Combina a eficiência do antimalware ESET com a proteção de transações online, filtros de redes sociais, auditoria de sites acessados e outras funcionalidades. Sem deixar a facilidade de uso exigida por esse segmento.

"A administração de uma pequena empresa pode parecer bastante simples, mas o fato de ser pequena não significa que seja menos visada pelos cibercriminosos. É muito importante que as empresas se previnam e reforcem sua segurança virtual, e o Netdeep Secure torna isso mais fácil. É simples de instalar, configurar e manter; assim, o proprietário da empresa pode se concentrar em fazer o que faz de melhor: tornar a empresa um sucesso", explica Marcos Serafim, diretor de Tecnologia da Netdeep.

Dentre as funcionalidades nesta nova versão, destaca-se:

  • Firewall de Aplicação para controle de aplicativos recreativos como Facebook, Youtube, Skype, etc.
  • Controle de navegação que permite definir políticas de uso e consumo de banda da Internet (ex: bloqueio de sites impróprios, redes sociais, chats, etc).
  • Auditoria e Relatórios gerenciais de navegação.
  • Proteção aprimorada contra todas as ameaças – com proteção de nível empresarial em várias camadas para computadores Windows e Mac e servidores e dispositivos móveis baseados em Android.
  • Um novo console de gerenciamento – que permite aos empresários e seus consultores de TI gerenciarem facilmente a segurança de TI e os dispositivos em qualquer lugar, usando um navegador da Web.
  • Detecção e Prevenção de intrusos: Proteção para servidores e estações de invasores, com um banco de dados para detecção de milhões de ataques.
  • Conexão Segura por VPN: Conecte escritórios e usuários remotos coom segurança, integrando e reduzindo custos com comunicação.
  • Gestão de Rede Sem Fio

O Netdeep Secure protege desktops, notebooks e servidores que operam em todos os sistemas operacionais (inclusive o Windows 10, lançado recentemente) e é vendido em pacotes de licenças predefinidas de acordo com o tamanho da rede de computadores da empresa.

1 COMENTÁRIO

Deixe seu comentário