SAS reestrutura área de marketing na América Latina

0
125

O SAS está reestruturando a sua área de marketing na América Latina com o objetivo de suportar uma série de mudanças que a companhia vem promovendo na sua estrutura global de negócios. O foco é integrar a região com a operação norte-americana, de modo a aproximar mais as regiões – especialmente em verticais estratégicas da organização -, permitindo melhor aproveitamento de sinergias.

Com as mudanças, Kleber Wedemann, diretor de Marketing do SAS para América Latina, passa a responder também pelas verticais de telecomunicações, tecnologia e mídia e pelos negócios destinados ao segmento de pequenas e médias empresas (SMB) nos Estados Unidos. Com a ampliação do escopo de Wedemann, Thais Cerioni, então PR and Communications Manager da empresa para o Cone Sul, assume também como head de Marketing do SAS Brasil, mantendo as suas atribuições anteriores.

A Go-To-Market Manager do SAS para América Latina, Simone Bervig, também teve suas responsabilidades expandidas para os setores de telecomunicações, tecnologia e mídia e SMB nos Estados Unidos. As mudanças são uma evolução natural da área, que vem atingindo os resultados projetados, e acompanhando a estratégia da companhia em alinhar e aproveitar as sinergias entre as operações lideradas pelo vice-presidente do SAS, Marvio Portela.

A reestruturação também prevê a criação de novas posições, tanto na área de marketing do SAS no Brasil quanto na operação de telecomunicações e SMB nos Estados Unidos. "O time de marketing da América Latina apresentou resultados excepcionais nos últimos anos, e somos conhecidos em todo o SAS por nossa entrega ágil, bem como nosso estreito alinhamento com as vendas. Por isso, vejo essas mudanças como resultado de uma construção em equipe", explica Wedemann. "Estou muito orgulhoso e animado para essa nova fase, tanto na minha carreira quanto nas carreiras do meu time. Acredito muito no valor das diferenças e da diversidade de pensamentos e experiências neste incrível grupo de pessoas", conclui o executivo.

Deixe seu comentário