Nova operadora conquista lote regional da faixa de 3,5 GHz com ágio de 6.266%

0
14
O leilão das radiofrequências do 5G abriu espaço para a entrada de novas operadoras de telefonia móvel no mercado brasileiro. Uma das empresas que passará a oferecer o serviço no Brasil é a Cloud2u. Na quinta-feira (4/11), a companhia ofereceu proposta de R$ 405,1 milhão e arrematou o lote C7 da faixa de frequência de 3,5 GHz (gigahertz). Com isso, poderá disponibilizar os serviços do 5G nos estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo e parte de Minas Gerais. O valor oferecido é 6.266% superior ao preço mínimo previsto no edital, estipulado em R$ 6, 4 milhões.
A faixa de 3,5 GHz é uma das principais do leilão por ser exclusiva para a tecnologia 5G. As empresas vencedoras poderão utilizar a frequência por 20 anos. Para isso, assumem também obrigações voltadas a expansão da infraestrutura de conectividade no Brasil. A principal obrigação das operadoras que levaram lotes regionais é garantir a cobertura de internet móvel de quinta geração em municípios com menos de 30 mil habitantes. O edital também prevê a instalação de rede de fibra óptica em municípios que hoje têm pouca ou nenhuma infraestrutura.
LOTE REGIONAL MG, MT E SP
A Algar Telecom arrematou o lote C8 da faixa de frequência de 3,5 GHz, que abrange sul de Minas Gerais, parte de Mato Grosso e um pedaço de São Paulo. O valor oferecido foi de R$ 2,3milhões, o que representa ágio de 358%.
Todos os lotes da frequência de 3,5 GHz – nacionais e regionais – foram orçados em R$ 30 bilhões pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Do valor total, R$ 29 bilhões serão revertidos no cumprimento de obrigações.

Deixe seu comentário