CSU encerra primeiro trimestre com lucro líquido de R$ 9,3 milhões

0
0

A CSU encerra o primeiro trimestre de 2020 (1T20) com lucro líquido de R$ 9,3 milhões, crescimento de 106,3% em relação ao 1T19. O EBITDA (lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização) atingiu R$ 30,5 milhões, expansão de 31,2% na comparação anual.

Com receita bruta de R$ 129,3 milhões, 11,7% superior ao mesmo período do ano anterior, a CSU confirmou a distribuição de Juros Sobre o Capital Próprio (JCP) no montante de R$ 2,3 milhões referente ao 1T20 – refletindo a confiança quanto à evolução dos resultados que vem sendo entregues.

"Mesmo diante de um cenário de incertezas com o avanço do novo coronavírus no país e no mundo, o trimestre foi marcado pela evolução positiva dos indicadores operacionais e financeiros. Acreditamos que os próximos meses serão desafiadores para todo o mercado, mas confiamos na superação desse período com uma entrega consistente de resultados e relações duradouras com nossos clientes", afirma Ricardo Ribeiro Leite, diretor de Relações com Investidores da CSU.

A Divisão CardSystem encerrou o trimestre com 23,8 milhões de cartões cadastrados e 16,2 milhões de cartões faturados, representando expansões de 19,0% e 8,9%, respectivamente, em relação ao 1T19. Foram destaque, os projetos em fase piloto e renegociações contratuais em andamento – que trazem boas perspectivas para os próximos trimestres – além do crescimento da utilização das soluções digitais ofertadas pela Divisão, como os cartões digitais e virtuais, wallets de pagamento, dispositivos vestíveis de pagamento (wearables) e os cartões contactless.

A Divisão MarketSystem, que segue em constante expansão, atingiu um novo recorde de volume financeiro transacional de R$ 80 milhões, crescimento de 23,3% na comparação com o 1T19. Tal resultado é devido ao aumento e diversificação de produtos e serviços disponíveis na plataforma OPTe+, entre eles vouchers eletrônicos como: Uber Eats, iFood e Carrefour, além dos investimentos na melhoria da experiência dos clientes e do aumento nominal da quantidade de resgates associada ao aumento do ticket médio.

Já a CSU.Contact, mesmo em um momento desafiador, finalizou o período com crescimento de 6,1% em posições de atendimento (PAs) faturadas na comparação ao mesmo período do ano passado. No trimestre, a Divisão iniciou a construção de mais 400 novos postos de atendimento para ampliação de sua capacidade operacional, demandando investimentos de R$ 3,3 milhões, que foram registrados no primeiro e segundo trimestres de 2020.

A Unidade CardSystem recebeu 80,8% do investimento de R$ 10,6 milhões devido à maior necessidade de alocação de capital para a criação de novos produtos, customizações e desenvolvimento do software utilizado para o processamento de cartões, desenvolvimento e parametrização das plataformas CSU.Digital e CSU.Acquirer.

Investimentos e ações contra à Covid-19

Neste momento de grandes desafios sociais e econômicos, a CSU tem desempenhando suas atividades com todos os recursos disponíveis para proteção de seus colaboradores, respeitando as recomendações das autoridades públicas e mantendo a operacionalidade dos serviços essenciais em todo o território nacional.

"A CSU tem feito sua lição de casa, reduzindo a jornada de trabalho do administrativo de forma a preservar empregos e adequar caixa nesse período de incertezas. Cerca de 2 mil atendentes estão trabalhando em home office – uma das maiores operações dessa natureza no Brasil – em tempo recorde, e alocarmos 100% dos profissionais acima de 60 anos, gestantes e imunodeprimidos em regime de home based com uma solução robusta que garante a segurança de informações dos clientes e possibilita a gestão dos atendentes", conta Leite.

Para cumprir com seu papel social, a Companhia também doou 40 mil itens de proteção para hospitais públicos do Estado de São Paulo com mais necessidades de abastecimento de equipamentos de proteção individual (EPI). Em Recife, Pernambuco, cidade que a Companhia possui uma unidade, também foram doados 12 mil EPIs para hospitais do Estado.

Deixe seu comentário