Mastercard seleciona seis fintechs para seu programa global de startups

0
96

A Mastercard anunciou a adição de seis novas fintechs ao programa Mastercard Start Path. As empresas selecionadas devem ajudar a impulsionar a inclusão financeira e digital em escala e fornecer soluções focadas no desenvolvimento sustentável. São empresas que criam desde soluções de pagamentos baseadas em blockchain com o objetivo de humanizar as finanças, até startups que projetam plataformas de empréstimos sustentáveis para fechar a lacuna de crédito para pequenas empresas em mercados emergentes.

Globalmente, a empresa desenvolve um trabalho próximo com essas startups por meio de um programa de seis meses, durante o qual elas podem aproveitar a tecnologia, expertise e os recursos da empresa para acelerar rapidamente seus negócios. As startups têm acesso aos canais, clientes e equipes de produtos da Mastercard, bem como a eventos virtuais imersivos e uma programação voltada para oportunidades de co-inovação.

Entre as novidades do Mastercard Start Path, está a entrada da Moeda Seeds, fintech brasileira que oferece serviços de banco digital, pagamento e microcrédito movidos a blockchain. No último ano, a empresa facilitou transações de mais de US$ 100 milhões em todo o mundo, por meio de seus 50 mil usuários globais, com seus cartões de débito Mastercard co-branded lançados em 2019.

Por meio da mentoria e orientação do Start Path, além da rede global de fintechs, startups e bancos parceiros, a Moeda tem o objetivo de expandir seus serviços financeiros baseados em blockchain, acelerar seu desenvolvimento na indústria de meios de pagamento e impactar as plataformas de investimento em todo o mundo.

As outras fintechs globais selecionadas pela Mastercard para ingressarem no Start Path foram:

Asante Financial (Quênia): empresa de serviços financeiros digitais de impacto social, que apoia o crescimento da África, por meio de empréstimos sustentáveis para pequenas empresas e comunidades carentes.

Cledara (Inglaterra): plataforma de gerenciamento de softwares como serviço (SaaS) all-in-one, que ajuda empresas a gerenciar, controlar e automatizar seus softwares em nuvem, permitindo que dimensionem seus processos operacionais, cumpram regulamentações e economizem dinheiro.

Jifiti (Estados Unidos): fintech que oferece uma solução de ponta a ponta de financiamento ao consumidor, para que bancos e credores lancem, rapidamente, um mecanismo de "compre agora, pague depois", que não exige qualquer integração com o ponto de venda.
SpenDebt (Estados Unidos): a solução de pagamento SaaS da SpenDebt é uma maneira fácil de os consumidores automatizarem o pagamento de suas dívidas, por meio de um micro pagamento predefinido, descontado em cada transação.

Tippy (Estados Unidos): sistema financeiro e de gorjeta digital, desenvolvido para o setor de beleza, que permite que as gorjetas sejam depositadas, direta e instantaneamente, na conta bancária do profissional do serviço.

O mercado global de fintechs deve crescer a uma taxa anual de, aproximadamente, 20% nos próximos quatro anos. Por isso, a Mastercard quer continuar a aprofundar o relacionamento com as fintechs e parceiros-chave, abrindo suas APIs para impulsionar uma economia mais inclusiva.

Deixe seu comentário