Rede de supermercados passa a aceitar pagamentos em moedas digitais

1
13

As criptomoedas estão na moda e atraem cada vez mais interessados. Contudo, a dificuldade de uso no dia a dia era um dos impeditivos de popularização dessa modalidade. Agora não é mais. Em ação inédita, a WiBX, moeda digital criada pela WiBOO, startup que oferece um ecossistema completo de vendas, passa a ser forma de pagamento na grande rede de supermercados Shibata, responsável por lojas espalhadas na Grande São Paulo, no litoral e no interior. A iniciativa possibilitará o recebimento de moedas digitais como forma de pagamento.

Caixas e totens estarão disponíveis nos locais da rede e visam desenvolver ações de ativação para que os consumidores possam conhecer o funcionamento da moeda, além de aproveitar suas promoções e vantagens nos estabelecimentos. O objetivo é ativar a base de clientes e permitir que tanto os novos quanto os usuários assíduos da Wiboo possam fazer suas compras com uma opção mais segura de pagamento.

A campanha atende a dois perfis. Quem já é cadastrado na plataforma da WiBX pode trocar as moedas digitais por compras nas lojas da rede. Já aqueles que não são cadastrados podem se inscrever e abrir sua carteira gratuita em equipamentos espalhados nos pontos de venda. Dessa forma, ganham suas primeiras moedas e ainda têm acesso a promoções exclusivas.

Isso é possível porque todo o ecossistema da WiBX está integrado nativamente ao ERP do Shibata Supermercados. Esse projeto conta com a participação da Arius Sistemas, um dos principais fornecedores de soluções tecnológicas do varejo brasileiro. Assim, as transações com o utility token ocorrem sem nenhum intermediário.

O processo é bem simples. Basta o usuário chegar ao caixa com seus produtos, gerar o QR Code de pagamento e transferir a quantia necessária. O valor é depositado na conta do supermercado de forma instantânea. A unidade escolhida foi a localizada em São José dos Campos, com expectativa de estender essa medida a 27 lojas do grupo nos próximos meses e potencializar a utilização desse meio de pagamento em outros grupos varejistas.

"Agora o consumidor pode escolher entre crédito, débito e WiBX na hora do pagamento. Nosso objetivo é que o cliente sinta a realidade das moedas digitais em seu dia a dia. Essa ação traz a mesma sensação e efetividade que se tem com outras formas de pagamento mais comuns na hora de fazer compras", explica Pedro Alexandre, CEO e Fundador da WiBOO.

A WiBX é um utility token que integra um ecossistema de vendas completo criado pela Wiboo. O projeto é pioneiro no Brasil e, desde 2017, utiliza a tecnologia blockchain em suas operações. Com ele, é possível oferecer soluções e ferramentas tanto para o consumidor final quanto para o varejista.

Já o Grupo Shibata é uma das principais redes de supermercados do estado de São Paulo. Atualmente possui 27 lojas espalhadas nas regiões da Grande São Paulo, Litoral Norte e Vale do Paraíba. Em 2019, obteve faturamento bruto de R$ 1,044 bilhão, de acordo com o ranking da Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC).

1 COMENTÁRIO

Deixe seu comentário