Entidades incentivam participação das mulheres no setor de segurança da informação

0
0

A LATAM Women in Cybersecurity (WOMCY) e a Women in Security & Resilience Alliance (WISECRA) anunciam o lançamento do "Top Women in Cybersecurity – América Latina". Este novo prêmio foi desenvolvido para ajudar a reconhecer as mulheres em segurança da informação, em toda a região da América Latina, que fizeram contribuições significativas, avançaram na indústria e moldaram o caminho para as gerações futuras de profissionais, entre outras realizações expressivas.

A presidente da WOMCY, Leticia Gammill, e Bonnie Butlin, coordenadora Internacional da WISECRA, também co-liderarão a eleição das Melhores Mulheres em Segurança Cibernética, juntamente com um pequeno painel de Juízes de toda a comunidade latino-americana de segurança cibernética.

O cenário geral dos especialistas em cybersecurity indica que há um grande déficit de especialistas no setor e a representatividade das mulheres é ainda menor. Segundo dados da Organização dos Estados Americanos (OEA), apenas 11% das mulheres que trabalham no setor de tecnologia, concentram-se em segurança cibernética, e na América Latina esse número chega a 8%, e apenas 1% tem posições executivas.

A WOMCY é uma organização sem fins lucrativos, composta por mulheres, com foco no desenvolvimento da segurança cibernética na América Latina. O principal objetivo é minimizar a lacuna de conhecimento e aumentar o grupo de talentos em segurança cibernética na América Latina. A WOMCY oferece programas para os segmentos corporativo e educacional em escolas, universidades e fundações, além de alcançar uma vasta rede de profissionais de segurança cibernética na América Latina.

Deixe seu comentário