Publicidade
Início Blogueria Você sabe o que é tokenização de ativos e como ela funciona?

Você sabe o que é tokenização de ativos e como ela funciona?

0
Publicidade

Você já ouviu falar neste termo? Tokenização é o processo de transformar dados confidenciais em dados não sensíveis chamados “tokens”, que podem ser usados em um banco de dados ou sistema interno sem trazê-los para o escopo.

A tokenização pode ser usada para proteger dados confidenciais substituindo os dados originais por um valor não relacionado do mesmo comprimento e formato. Os tokens são então enviados para os sistemas internos de uma organização para uso, e os dados originais são armazenados em um cofre de token seguro.

Ao contrário dos dados criptografados, os dados tokenizados são indecifráveis e irreversíveis. Esta distinção é particularmente importante: como não há relação matemática entre o token e seu número original, os tokens não podem ser devolvidos à sua forma original.

Um token é, simplesmente, um pedaço de dados que representa outra informação mais valiosa. Os tokens praticamente não têm valor por conta própria – eles só são úteis porque representam algo maior. Uma boa analogia é uma partida de pôquer: em vez de encher uma mesa com maços de dinheiro (que podem ser facilmente perdidos ou roubados), os jogadores usam fichas em seu lugar.

A tokenização funciona justamente assim: removendo os dados valiosos do seu ambiente e substituindo-os por esses tokens. A maioria das empresas detém pelo menos alguns dados confidenciais dentro de seus sistemas, sejam dados de cartão de crédito, informações médicas, números da Previdência Social, ou qualquer outra coisa que exija segurança e proteção. Usando a tokenização, esses dados são retirados totalmente do seu ambiente, e depois são substituídos por tokens exclusivos de cada pedaço de informação.

O objetivo da tokenização é trocar dados confidenciais, normalmente números de cartões de pagamento ou contas bancárias, com um número randomizado no mesmo formato, mas sem valor intrínseco próprio. Isso difere da criptografia, onde um número é matematicamente alterado, mas seu padrão original ainda é armazenado dentro do novo código, conhecido como criptografia de preservação de formatos.

Assim, a tokenização é o processo de remover dados confidenciais de seus sistemas de negócios, substituindo-os por um token indecifrável e armazenando os dados originais em um cofre de dados em nuvem seguro. Os números criptografados podem ser descriptografados com a chave apropriada. Os tokens, no entanto, não podem ser revertidos, porque não há relação matemática entre o token e seu número original.

Embora nenhuma tecnologia possa garantir a prevenção de uma violação de dados, uma plataforma de tokenização em nuvem devidamente construída pode impedir a exposição de dados confidenciais, evitando que os invasores capturem qualquer tipo de informação utilizável, financeira ou pessoal.

A vantagem da tokenização é que não há informações para roubar quando uma inevitável violação acontece. Por causa disso, elimina virtualmente o risco de roubo de dados. Pode haver segurança maior do que essa?

Ronaldo Sodré Santoro, fundador e co-CEO da Bom Valor.

SEM COMENTÁRIOS

Deixe seu comentário

Sair da versão mobile