Oracle obtém votos necessários de acionistas para adquirir NetSuite e acordo pode sair nesta terça

0
6

Depois de a Oracle ter ameaçado desistir da compra da Netsuite, por não ter obtido os votos necessários dos acionistas para fechar o negócio, avaliado em cerca de US$ 9 bilhões, os acionistas da fornecedora de softwares de gestão empresarial e CRM em nuvem aprovaram a oferta da fornecedora de software, abrindo o caminho para a aquisição.

O conflito foi gerado após o maior acionista institucional da NetSuite, o T. Rowe Price Group, notificou a Oracle comunicando que não iria ofertar seus 14,5 milhões de ações. Entretanto, no sábado passado, 5, a companhia recebeu aprovação de 53% — ou 21,78 milhões de ações — de acionistas da NetSuite com direito a voto para endossar a oferta, informou a Oracle em comunicado.

O T. Rowe Price, que detém cerca de 18% das ações da empresa, rejeitou a oferta de US$ 109 por ação da Netsuite, dizendo que US$ 133 seria o preço justo. Mas a Oracle não arredou pé e disse que a oferta era final. A decisão veio de acionistas que detêm cerca de 45% da empresa, juntamente com executivos e diretores. O presidente da Oracle, Larry Ellison, que detém participação na NetSuite não participou da votação para não caracterizar conflito de interesses.

A Oracle conta com a NetSuite para ajudar na mudança do modelo de negócio da empresa para serviços baseados em nuvem e ganhar fôlego para competir com rivais como a Salesforce.com e Microsoft. A NetSuite é uma dos maiores de software de gestão e CRM em nuvem.

O acordo esta previsto para ser concluído nesta terça-feira, 8. Com agências de notícias internacionais.

Deixe seu comentário