OEA e Trend Micro iniciam pesquisa sobre segurança e proteção nas infraestruturas críticas das Américas

0
3

A Trend Micro e o Programa de Segurança Cibernética da Organização dos Estados Americanos (OEA) se uniram para elaborar o relatório "A Segurança Cibernética e a Proteção de Infraestruturas Críticas das Américas". Por isso, as duas instituições convidam os responsáveis pelas áreas de TI e SI das empresas a responder uma pesquisa que busca coletar informações sobre as ameaças e as medidas de segurança utilizadas para evitá-las.

O documento final será um estudo completo que terá como objetivo ajudar os estados membros da OEA, operadores de infraestruturas críticas no continente e demais interessados a compreender e endereçar melhor as principais ameaças cibernéticas que afetam as infraestruturas críticas nas Américas.

"Essa iniciativa visa contribuir para a geração de inteligência sobre as ameaças direcionadas especificamente às infraestruturas críticas, assim como sobre as medidas de segurança cibernética utilizadas para a proteção das mesmas", comenta Hernán Armbruster, vice-presidente da Trend Micro para a América Latina.

A pesquisa está disponível no site da Trend Micro até o dia 16 de fevereiro de 2015. A previsão é que os primeiros resultados sejam divulgados em abril.

Deixe seu comentário