Comissões da Câmara debatem espionagem com autoridades do governo

0
19

BRASÍLIA — Cinco comissões da Câmara dos Deputados promovem na próxima quarta-feira, 14, debate sobre as "eventuais fragilidades nos sistemas de guarda e fluxo de conteúdo de informações pessoais, oficiais ou economicamente estratégicas do cidadão brasileiro, do Estado e do setor privado". O evento, que tem como convidados os ministros Paulo Bernardo (Comunicações), Celso Amorim (Defesa), Antonio de Aguiar Patriota (Relações Exteriores) e José Elito Carvalho Siqueira (Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República), foi criado após a divulgação de denúncias de espionagem do governo americano.

Além dos ministros, a audiência promovida pelas comissões de Ciência e Tecnologia; Fiscalização Financeira e Controle; Defesa do Consumidor; Relações Exteriores; e Defesa Nacional e Legislação Participativa, tem como convidados o presidente da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), João Batista Rezende; presidente da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), Wilson Roberto Trezza; presidente da Telebrás, Caio Bonilha; coordenador do Comitê Gestor da Internet, Virgilio Almeida; presidente do SindiTelebrasil, José Formoso; presidente da Associação Brasileira de Internet (Abranet), Eduardo Neger, além de representantes da Microsoft, Google, Facebook, Twitter, e do professor do departamento de ciência da computação da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas), Gustavo Torres.

Deixe seu comentário