Quanta suspende produção de servidores para IBM, Dell e HP e passa a vender às corporações

0
0

Não bastasse o fato de estarem experimentando uma forte retração nas vendas, os fabricantes tradicionais de servidores estão tendo agora de enfrentar a concorrência direta dos chamados ODMs (original design manufacturers), montadoras de computadores que produzem equipamentos sob encomenda para grandes marcas internacionais.

Uma dessas concorrentes é a taiwanesa Quanta Computer, primeira fabricante mundial de computadores portáteis e, mais tarde, de servidores vendidos como marcas da HP, IBM e Dell, entre outras, que recentemente começou a cortar clientes e a vender servidores diretamente às corporações.

Com preços mais acessíveis que o de marcas consagradas, a Quanta se tornou nos últimos dois anos a principal fornecedora de servidores do Google, Facebook, Amazom.com. e outrs gigantes da web, que passaram a encomendar equipamentos diretamente das fábricas da empresa. Bancos de Wall Street e outras empresas também estão fazendo experiências com servidores e outros equipamentos da Quanta e de outros fabricantes de hardware de baixo custo, segundo o The Wall Street Journal.

Novas empresas da indústria de hardware como a Quanta estão oferecendo serviços mais rápidos e menos caros e interrompendo os negócios de gigantes como HP e IBM — ou Lenovo, que adquiriu a divisão de servidores low-end da IBM em janeiro passado, por US$ 2,3 bilhões.

Além de preços mais baixos, conta a favor do ODMs a flexibilidade de adaptar suas operações para atender as necessidades dos clientes, apontam analistas. O Facebook, por exemplo, descobriu que os logos de plástico estampados na maioria dos seus servidores estavam impedindo o fluxo de ar, o que elevava os custos de resfriamento de seus data centers. A Quanta retirou e mudou de lugar os logos, proporcionando uma economia de energia de cerca de 25 watts por servidor.

O Facebook diz que economizou US$ 1,2 bilhão com custos e gerenciamento de energia em três anos, com o redesenho da arquitetura de seus softwares e hardwares. A rede social também está testando interruptores Quanta, que ajudam no tráfego de web, mercado hoje dominado pela Cisco Systems e a Juniper Networks.

Segundo Mike Yang, que dirige há dois anos a subsidiária da Quanta nos EUA, Barry Lam, CEO da companhia, reconheceu a necessidade de mudar a companhia para atender às necessidades das empresas de internet para oferta de equipamentos de computação personalizado.

Em sua defesa, a IBM diz que a venda da divisão de servidores é parte de um plano para operar com margem menor. Um porta-voz da HP, porém, disse que oferece "suporte, serviços, escala e inovação" que os fabricantes de baixo custo não podem igualar.

Executivos da Dell admitiram que a empresa perdeu algumas vendas para a Quanta e seus semelhantes. Mas Forrest Norrod, vice-presidente de negócios de servidores da Dell, disse que os rivais "são a aquisição de um segmento muito pequeno da cadeia de valor em uma margem muito baixo".

Deixe seu comentário