Quase metade dos acionistas da Salesforce.com rejeita alto salário de CEO da empresa

0
0

Marc Benioff, CEO da fornecedora de soluções de CRM e aplicativos em nuvem Salesforce.com, é mais um executivo de uma empresa de software a se tornar alvo de acionistas descontentes em relação ao "excessivo pacote" de remuneração. Em janeiro, o ex-CEO e atual CTO da Oracle, Larry Ellison, também foi criticado pelo mesmo motivo.

Com 6,5 % de participação na Salesforce, Benioff recebeu remuneração de US$ 39,9 milhões no ano passado, tornando-o um dos executivos mais bem pagos no setor de tecnologia. O pacote, no entanto, foi rejeitado por 47% dos acionistas da empresa, em votação feita durante assembleia anual da Salesforce na semana passada, segundo informa o jornal britânico Financial Times.

A porcentagem de rejeição, ainda de acordo com a publicação, ficou acima dos 24% que votaram contra o valor da remuneração de Benioff em 2014, e também dos 17% no ano anterior.

Em um comunicado, a Salesforce defendeu suas políticas de remuneração: "Nós descrevemos nossas práticas de remuneração em detalhes na nossa declaração de procuração, incluindo a nossa filosofia de remuneração e as razões para tais decisões".

Deixe seu comentário