Agility Networks lança solução para automação de análise de vulnerabilidades

0
5

A Agility Networks amplia seu portfólio de soluções para segurança e passa a implementar no Brasil um sistema de varredura automatizada capaz de detectar vulnerabilidades e fragilidades em redes e websites. Uma das importantes inovações dessa solução está em otimizar a produtividade das equipes de segurança e reduzir custos, já que consegue fazer, com muita precisão e agilidade, trabalhos antes realizados manualmente, que consumiam elevados investimentos de tempo e recursos.

"Nos dias de hoje, fazer análises de vulnerabilidade manualmente nas aplicações dos clientes é inviável na prática, principalmente quando ocorrem em larga escala e em curtos períodos", afirma André Pádua, diretor de tecnologia da Agility Networks.

Por outro lado, a eficiência é aumentada através da automação, uma vez que a análise de vulnerabilidade faz uma leitura sólida no inventário de sites, com cada local identificado por seu perfil de risco, permitindo selecionar as soluções que atendam às necessidades específicas. A nova solução corrige as possíveis brechas antes que os hackers possam explorá-las, garantindo assim a segurança dos dados. Outra vantagem é ter a certeza de corrigir problemas reais, não perseguindo falso-positivos.

A tecnologia é baseada numa parceria com a empresa americana WhiteHat Security e implementada como um Software as a Service (SaaS), em plataforma de nuvem.

A solução é importante para serviços ou redes web onde existem dados valiosos para proteger, como bancos, serviços financeiros, varejo, e-commerce etc. Mas sua aplicabilidade se estende a praticamente todos os tipos de negócio, visto que ninguém quer ter seu site derrubado ou invadido.

A arquitetura é projetada para escalar massivamente – fornecendo suporte para um número ilimitado de aplicações, desde poucas até milhares simultaneamente. "Vale lembrar que, segundo métricas de estudos da WhiteHat Security, são encontradas, em média, sete vulnerabilidades por aplicação analisada em ambientes de alta visibilidade, desde falhas de lógica até falhas técnicas" – afirma o diretor de tecnologia da Agility Networks.

 "A título de exemplo do potencial de resultados que essa integração consegue gerar, existe um estudo que demonstra a performance do sistema de varredura automática em combinação com ASMs como o da F5 Networks. Em média, 71% das vulnerabilidades são detectadas e solucionadas automaticamente com essa combinação. A equipe de segurança será então otimizada, pois terá que trabalhar somente com os 29% restantes e já saberá de antemão, através dos relatórios fornecidos pelo sistema, quais as medidas corretivas necessárias" – completa André Pádua.

Em 2013, a WhiteHat Security foi listada pela Forbes como uma das "100 Empresas Mais Promissoras da América". A conquista aconteceu após o recebimento recente de um investimento de 31 milhões de dólares em crescimento estratégico da JMI Equity e da Investor Growth Capital (IGC).

"A parceria com a WhiteHat faz parte da estratégia da Agility Networks de reunir numa única equipe o conhecimento para análise, implantação e gestão das tecnologias mais avançadas em segurança para TI, integrando-as de modo sinérgico para melhores resultados e otimização de custos" – afirma Carlos Teixeira, diretor executivo da Agility Networks.

Deixe seu comentário