Dassault Systèmes revela estratégia para desenvolvimento de projetos colaborativos

0
0

Cerca de 6 mil profissionais, designers, clientes e colaboradores participaram até esta quarta-feira, 12, em Nashville, EUA, do evento 3DEXPERIENCE WORLD 2020, que marca uma nova estratégia para inovação nos negócios da Dassault Systèmes, com ampliação e integração do seu portfólio de aplicativos digitais a fim de que os usuários possam desenvolver projetos colaborativos completos, que se iniciam com a pesquisa de mercado, passando pela criação, prototipação, simulação e fabricação de produtos em uma única plataforma na nuvem.

Essa jornada, realizada de forma integrada, conectada, busca desenvolver novas experiências do cliente com colaboração contínua, gerenciamento de dados incorporado e atualizações automáticas de software para agregar valor ao processo criativo por meio de uma abordagem de plataforma na nuvem que economiza tempo e dinheiro ao mesmo tempo.

Reduzir o time to market para lançamento de produtos tornou-se muito importante para os negócios e projetar produtos que tragam uma boa experiencia de uso para os consumidores é o diferencial competitivo pelo qual buscam as corporações, explicou Stephen Endersby, diretor gerente de Portfólio de Produtos da Dassault Systèmes, acrescentando que em grande parte os consumidores buscam mais essa experiência do que uma marca.

"Os clientes querem fazer mais do que apenas projetar. Eles querem ter uma experiência real dos produtos que fabricam. Isso requer melhor design, simulação, governança, gerenciamento e fabricação e, mais importante, colaboração com toda a cadeia de valor. Nós desejamos oferecer aos clientes mais opções que façam sentido para seus negócios, e é por isso que facilitamos o aproveitamento e a exploração dos trabalhos de experiência 3D", disse Gian Paolo Bassi, CEO da SOLIDWORKS, Dassault Systèmes.

"Com nossas novas ofertas comerciais, os usuários do SOLIDWORKS têm acesso aos poderosos aplicativos de desktop que conhecem e amam, com enorme valor adicional. Na plataforma 3DEXPERIENCE, todos e todos os envolvidos no conceito, design, simulação, fabricação, venda e serviço processos são conectados e integrados em um loop contínuo. Obviamente, nossos clientes do SOLIDWORKS podem continuar comprando a versão independente para desktop, se preferirem, mas nossa nova opção centrada no cliente liberará tempo para pensar, criar e executar as tarefas. Também estamos planejando ofertas semelhantes para educação e startups, para agregar valor a elas também ".

Estratégia – Ciência da Vida

A Dassault Systèmes definiu para os próximos anos os pilares de sua atuação, centrados em Manufatura, Infraestrutura e uma área nova, onde faz uma aposta alta, que é Ciências da Vida, área que traz novos horizontes com a experiência 3D das coisas para a vida.

"Para apoiar nossa ambição de várias décadas, focaremos no desenvolvimento de nossa liderança em ciências da vida e saúde, continuando a ampliar nosso investimento em liderança nas indústrias de manufatura, avançando no promissor setor de infraestrutura nas cidades", disse Bernard Charlès, vice-presidente e CEO da Dassaut Systèmes.

Esse novo setor, que é a aposta na crescimento e sustentabilidade do grupo, está baseada no domínio que Dassault Systèmes tem na tecnologia de Gêmeos Digital ( Digital Twin) e na mega aquisição por US$ 5,6 bilhões realizada em junho do ano passado da Medidata, empresa de software que analisa ensaios farmacêuticos e de biotecnologia para alguns dos maiores fabricantes de medicamentos do mundo, incluindo Sanofi, Pfizer e AstraZeneca.

As experiências de gêmeos virtuais abrem novas possibilidades para as ciências da vida e os cuidados com a saúde, permitindo que a pesquisa, as disciplinas médicas, cirúrgicas e outras relacionadas à saúde compreendam, modelem moléculas, pesquisem DNA, testem e tratem um corpo humano da maneira mais precisa, segura e eficaz.

Vai além da criação de dispositivo biomédicos, como próteses de alta performance, veículos inovadores para paraplégicos, projetos como Living Heart e Living Brain, entre outras soluções apresentadas no evento.  

"Em 1989, criamos o primeiro gêmeo virtual de um avião gigante, o Boeing 777. Em 2012, observando que o mundo estava mudando para uma economia de experiência que valoriza o uso sobre o produto, ousamos imaginar uma plataforma que usaria gêmeos virtuais abrangentes, de coisas como o lugar para navegar, avaliar e experimentar holisticamente uma ideia para torná-la realidade. Nossa ambição de harmonizar produto, natureza e vida permanece a mesma, enquanto seu escopo está se ampliando. Isso nos levou a desenvolver uma nova compreensão da vida e da natureza.  Hoje, somos capazes de aplicar o conhecimento e o know-how que adquirimos no mundo não orgânico ao mundo dos vivos, estendendo nosso foco das coisas para a vida. A experiência virtual do corpo humano nos permitirá inventar novas maneiras de representar a vida, compreendendo e representando o invisível, e fazendo uma contribuição duradoura para o benefício de todos", enfatizou o CEO da Dassautl Systémes.

América Latina

Mario Belesi Jr, diretor da Dassault Systèmes e SOLIDWORKS América Latina, explica que está otimista com o mercado de Brasil e demais países da América Latina, pois depois de um período ruim da economia, sua percepção que haverá uma fase de "renascimento da indústria" que trará investimentos até então represados, mas do que o mercado da indústria 4.0. Mesmo assim, disse que nos últimos 2 anos a região cresceu 300%, apesar de não poder revelar números.

Ressalta, que a oferta dos produtos oferecidos como plataforma abre novas possibilidades para os 5 milhões de usuários SOLIDWORKS desktop no mundo, que continuarão ter suporte e atualização.

Mas ela acredita essa estratégia chamada de 3D Experience Works irá trazer muitas vantagens para o clientes, a partir da concepção do produtos, com uso da ferramenta Netvibes, solução que pesquisa dados de mercado, de consumidores, redes sociais, concorrência, etc, para formar um conjunto de informações que dará subsídios no projeto de acordo com a percepção do desejo do consumidor.

Com a integração das áreas de pesquisa e desenvolvimento da Dassault Systèmes e Solidworks há dois anos, houve um salto na evolução dos produtos. Com a plataforma na, pequenas e médias empresas, terão acesso à mesma tecnologia utilizada por grandes empresas.

A Dassault está disponibilizando cerca de 100 APPs, com 9 "roles" (temas) em 12 diferentes verticais de indústria, que facilitar e dá agilidade em toda a jornada de criação à fabricação do produto. Elas, inclusive, já estão disponíveis no mercado brasileiro.

Ela reúne características de conectividade e colaboração, permitindo trabalhar com o software não só no desktop, mas também no tablet e smartphone.  Equipes também podem utilizar a plataforma ao mesmo tempo, facilitando reduzindo custos e trazendo produtividade para o resultado final.

Com essa conexão, os clientes do SOLIDWORKS usam os mesmos aplicativos de área de trabalho, com anos de experiência para projetar  novas experiências de clientes, enquanto se beneficiam das vantagens de uma plataforma digital: colaboração aprimorada, gerenciamento de dados incorporado e fácil de usar, atualizações automáticas de software e acesso flexível aos dados mais recentes do projeto, prontamente disponíveis em um só lugar.

Ele explica que as mudanças do modelo de licença para assinatura serão progressivas, mas confia que a grande maioria dos usuários perceberá a vantagem da nova plataforma, que se integra com as soluções desktops atuais, trazendo mais produtividade e economia.

ERP

Com a aquisição da IQMS por US$ 425 milhões em dezembro de 2018, a Dasssault Systèmes entrou no mercado de ERP com software do IQMS – EnterpriseIQ local e WebIQ no modelo SAS, que gerencia ecossistemas de engenharia, manufatura e negócios ao conectar digitalmente processos de processamento, programação, produção e remessa de pedidos em tempo real.

Ao integrar as soluções do IQMS na plataforma 3DEXPERIENCE na nuvem, que passou a ser chamada DELMIAWORKS, os clientes terão um sistema acessível para operações que melhoram a colaboração, eficiência de fabricação e agilidade dos negócios. "30% dos clientes da IQMS também são da SOLIDWORKS, o que facilita a integração", explica Belesi.

*o jornalista viajou a convite da empresa.

Deixe seu comentário