Pure Storage entra com pedido de abertura de capital nos EUA

0
30

A Pure Storage, empresa especializada no armazenamento de dados corporativos em flash, entrou com pedido, nesta quarta-feira, 12, para realização de uma oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) na Securities and Exchange Commission (SEC), órgão que regula as empresas cotadas em bolsa nos EUA.

De acordo com o documento, a companhia pretende listar suas ações sob o símbolo "PSTG" e sob coordenação dos bancos Morgan Stanley, Goldman Sachs, Barclays Capital, Allen & Co e Bank of America. O prospecto, no entanto, não informa quantos papéis serão listados e em qual bolsa eletrônica, seu preço estimado, tampouco quando a oferta pública deve ocorrer.

Embora tenha sido avaliada no ano passado em US$ 3 bilhões, por investidores privados, a Pure Storage registrou um prejuízo líquido de US$ 183,2 milhões no período, enquanto sua receita totalizou US$ 174,5 milhões. Até agora, a empresa já levantou US$ 470 milhões em financiamento de fundos de capital de risco como T. Rowe Price, Wellington Management e Greylock Partners. Com informações de agências de notícias internacionais.

Deixe seu comentário