Startup Trocafone pretende expandir operações com nova injeção de capital de R$ 12 milhões

0
0

A Trocafone, startup brasileira baseada na cultura de recompra (recommerce), recebeu um novo aporte de R$ 12 milhões do fundo de investimento composto pela Wayra, aceleradora global de startups do grupo Telefônica, a 500 Startups, Lumia Capital e a Quasar Ventures. Com o novo aporte, os investimentos recebidos pela empresa em dois anos totalizam R$ 16 milhões.

Segundo a startup, os recursos possibilitarão a consolidação de sua operação no Brasil e a expansão dos negócios para a Argentina, cuja operação teve início em outubro, e, posteriormente para outros países da América Latina. A Trocafone promove a compra e a venda de smartphones e tablets seminovos pelo seu website e pontos de coleta, com a garantia que funcionam como aparelhos novos.

Após encerrar 2014 com receita de R$ 20 milhões e cerca de 30 mil aparelhos comercializados, a companhia prevê dobrar a receita deste ano para R$ 40 milhões e vender 100 mil dispositivos. Para 2016, a meta é atingir um faturamento acima de R$ 240 milhões, além de expandir a atuação para Colômbia e Peru.

Deixe seu comentário