Gigantes da Internet confrontam FCC pela volta da neutralidade da rede

0
0

As principais empresas de tecnologia representadas pela Internet Association (IA) expressaram "apoio vigoroso" à neutralidade da rede, e exortaram  o presidente da Comissão Federal de Comunicações (FCC), Ajit Pai, a manter intactas as leis atuais do país.

Pai e outros comissários da FCC se reuniram com a IA, que representa os interesses do Facebook, Google, Amazon e outros, depois que o presidente disse aos principais grupos de comércio e telecomunicações que planejava reverter as regras de neutralidade da rede na semana passada.

Acredita-se que o presidente da FCC esteja trabalhando em um plano para esvaziar a Ordem de Internet Aberta 2015, que garante que todo o tráfego on-line seja tratado de forma igual e, em vez disso, implementar um sistema pelo qual os provedores de serviços de Internet assinam acordos voluntários para manter o princípio.

Em um comunicado divulgado após a reunião, a IA indicou que se oporia a qualquer tentativa de revogar as leis de neutralidade da rede.

"A IA continua seu forte apoio à Ordem Aberta da Internet da FCC, que é um componente vital da internet livre e aberta", disse Michael Beckerman, presidente e CEO da IA. "A indústria da Internet é uniforme na sua crença de que a neutralidade da rede preserva a experiência do consumidor, a concorrência ea inovação on-line. Em outras palavras, as regras de neutralidade da rede existentes devem ser aplicadas e mantidas intactas."

A associação continuou a manifestar seu apoio a regras "leves" para proteger a Internet aberta, e essas regras devem ser aplicadas "pela agência especializada, ou seja, a FCC".

Segundo os relatórios, Pai também quer que a Federal Trade Commission (FTC), em vez da FCC, para policiar o tratamento justo do tráfego na web sob a sua visão futura.

Todas as indicações apontam para um confronto entre os defensores da neutralidade da rede e os principais ISPs, se Pai, como esperado, empurrar para derrubar o marco Open Internet Order.

Deixe seu comentário