Cisco divulga resultado trimestral com queda de receita e lucro

0
0

A Cisco divulgou nesta quarta-feira, 13, os resultados do terceiro trimestre para o período encerrado em 25 de abril de 2020, período que reportou uma receita de US$ 12,0 bilhões, receita líquida segundo os princípios contábeis geralmente aceitos (GAAP) de US$ 2,8 bilhões ou US$ 0,65 por ação e receita líquida não-GAAP de US$ 3,4 bilhões ou US$ 0,79 por ação. No entanto esse resultado significa uma redução de 8,5% na receita e diminuição do lucro por ação GAAP em 6% ano a ano.

"Durante esse período extraordinário, nossa prioridade foi apoiar nossos funcionários, clientes, parceiros e comunidades, enquanto posicionamos a Cisco para o futuro", disse Chuck Robbins, presidente e CEO da Cisco. "A pandemia levou organizações de todo o mundo a digitalizar suas operações e dar suporte a forças de trabalho remotas em uma velocidade mais rápida e em maior escala do que nunca. Continuamos focados em fornecer a tecnologia e as soluções que nossos clientes precisam para acelerar suas organizações digitais".

"Executamos bem no terceiro trimestre em um ambiente muito desafiador, com margens fortes e crescimento de EPS não-GAAP", disse Kelly Kramer, CFO da Cisco. "A resiliência que estamos construindo em nosso modelo de negócios está valendo a pena, com as assinaturas de software agora com 74% de nossa receita de software, um aumento de 9 pontos em relação ao ano anterior. Estamos focados em impulsionar o crescimento rentável a longo prazo e, ao mesmo tempo, agregar valor ao acionista. "

Medidas na pandemia

Em resposta a crise da pandemia da COVID-19, a Cisco informou que 95% da força de trabalho global trabalha em casa.

Anunciou US$ 2,5 bilhões em financiamento com um novo Programa de Resiliência de Negócios através da Cisco Capital para oferecer flexibilidade financeira e apoiara continuidade de negócios de clientes e parceiros para acessar a tecnologia de que precisam agora, investir na recuperação e adiar a maioria dos pagamentos até o início de 2021.

Até o momento, comprometeu quase US$ 300 milhões para apoiar os esforços de resposta à pandemia global e local, fornecendo tecnologia e suporte financeiro para organizações sem fins lucrativos, socorristas e governos. Também doação de equipamentos de proteção individual a funcionários de hospitais, incluindo máscaras N95 e protetores faciais, impressos em 3D por voluntários da Cisco em todo o mundo.

Números

A receita total foi de US$ 12 bilhões, queda de 8%, a receita de produtos caiu 12% e a receita de serviços, 5%. A receita por segmento geográfico foi: Américas caiu 8%, EMEA caiu 7% e APJC caiu 9%. A receita do produto foi liderada pelo crescimento em segurança, um aumento de 6%. As plataformas de infraestrutura caíram 15% e os aplicativos, 5%.

Deixe seu comentário