Publicidade
Início Blogueria Dados em nuvem também potencializam o marketing; veja as vantagens

Dados em nuvem também potencializam o marketing; veja as vantagens

0
Publicidade

Na era digital, a tecnologia tem transformado todos os aspectos de nossas vidas, desde a forma como nos comunicamos até a maneira como fazemos negócios. Um dos grandes recursos para acompanhar essa mudança é a computação em nuvem. Aqui iremos defini-la e entender as vantagens de sua aplicação no marketing e vendas.

Em sua essência, a computação em nuvem é uma tecnologia que possibilita a entrega de serviços de computação, como armazenamento, capacidade de processamento, bancos de dados, rede e aplicativos de software, através da internet. Em vez de depender de servidores locais tradicionais ou computadores pessoais, os usuários podem acessar esses recursos de onde estiverem por meio de uma rede de servidores mantidos por provedores de serviços em nuvem, assim integrando esses dados.

A ausência dessa integração pode acarretar limitações nas tomadas de decisão, prolongar o caminho para a resolução de problemas, reduzir a eficácia das decisões ou até mesmo gerar cenários incompletos. Por exemplo, ao dependermos exclusivamente de dados provenientes de um canal, como e-commerce, e ignorarmos informações de outras fontes, arriscamos ficar sem uma visão completa do desempenho de nossos canais de vendas e marketing. Se ocorrer uma interrupção na mensuração de conversões no e-commerce pelas ferramentas de web analytics, nossa capacidade de dimensionar o erro e evitar impactos negativos na experiência do cliente fica comprometida.

No entanto, se integramos dados de Sell-Out, podemos detectar oscilações anormais com rapidez e agir em conformidade. O tempo que leva para alternar entre plataformas e bases de dados é o período durante o qual permitimos que os erros afetem a experiência dos usuários. Outro cenário ocorre quando capturamos leads online, mas a venda é concluída offline. Se não tivermos visibilidade sobre a eficiência dos leads gerados, nossas estratégias de marketing em segmentação, remarketing e alocação de investimentos podem ser prejudicadas.

Ter uma visão completa do fluxo de conversão nos ajuda a monitorar o desempenho da plataforma, reagir a erros e otimizar estratégias de canais, como Mídia Paga, SEO, CRM e outras abordagens out-bound. Por outro lado, quando conseguimos estruturar dados por meio de cruzamentos entre diferentes fontes e estabelecemos um fluxo eficiente para sua análise, surgem oportunidades de grande impacto. Podemos acompanhar em tempo real as vendas dos principais produtos na Black Friday para evitar comunicações sobre produtos esgotados. Ou ainda, conseguimos mensurar o impacto de grandes lançamentos analisando as principais fontes de tráfego e conversões online e offline dos produtos.

Além disso, cruzar dados de mercado com dados internos da marca pode nos ajudar a entender o potencial de expansão do mercado e direcionar decisões de investimento e expansão regional com maior precisão e base concreta. A computação em nuvem para marketing e vendas apresenta também as seguintes vantagens:

  1. Escalabilidade: As empresas podem facilmente aumentar ou diminuir seus recursos com base na demanda, garantindo que paguem apenas pelo que utilizam. Essa flexibilidade permite que as empresas lidem eficientemente com cargas de trabalho variáveis, melhorando a relação custo-benefício e a utilização de recursos.
  2. Economia de Custos: A computação em nuvem normalmente segue um modelo de pagamento conforme o uso, eliminando a necessidade de grandes investimentos iniciais em hardware e infraestrutura. Essa abordagem econômica permite que as empresas alocam seus recursos financeiros de maneira mais eficiente, visto que podem acompanhar as métricas de uso detalhadas que são usadas para comunicar os custos de uso.
  3. Acessibilidade e Colaboração: Os serviços em nuvem permitem que os usuários acessem seus dados e aplicativos de qualquer lugar com uma conexão à internet. Essa acessibilidade promove a colaboração entre equipes, facilitando o trabalho remoto ou entre diferentes localizações geográficas. 4. Atualizações e Manutenção Automáticas: Os provedores de serviços em nuvem lidam com a manutenção e atualizações da infraestrutura e do software subjacentes. Isso garante que as empresas sempre tenham acesso às últimas funcionalidades e correções de segurança sem a necessidade de intervenção manual.
  4. Segurança de Dados: Provedores de serviços em nuvem confiáveis investem pesadamente em medidas de segurança de dados, incluindo criptografia, firewalls e controles de acesso, para proteger os dados dos usuários. Como questões que exigem cuidados, podemos citar a segurança e privacidade de dados muito sensíveis, tempo de inatividade e confiabilidade (conectividade à internet), conformidade e questões regulatórias e custos de transferência de dados. A computação em nuvem é um grande alicerce para um crescimento saudável e promissor dos negócios, mas demanda expertise para a escolha da ferramenta ideal, para a estruturação dos dados e para a manutenção da plataforma.

Bruna Kluwe, coordenadora de Data Strategyda Cadastra.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Sair da versão mobile