Publicidade
Início Serviços Case FIA migra plataforma de e-learning para Windows Azure

FIA migra plataforma de e-learning para Windows Azure

0
Publicidade

A Fundação Instituto de Administração (FIA), instituições de ensino no segmento de educação executiva, além de oferecer modalidades tradicionais também oferece, desde 2003, cursos pelo método de Educação a Distância (EaD). Com perfil de alunos executivos, o e-learning precisava que sua plataforma atendesse às demandas de flexibilidade de acessos, que variam drasticamente de acordo com a quantidade de alunos de cada curso. Para solucionar esse problema, a FIA implementou a solução em nuvem Windows Azure, a fim de conseguir escalabilidade e redução de custos, além de melhorar a performance da plataforma para seus alunos.

Em seus cursos, a FIA utiliza a plataforma de e-learning Moodle (Modular Object-Oriented Dynamic Learning Environment), uma solução Open Source, amplamente utilizada no mercado educacional como solução de LMS (Learning Management System). Toda a operação era gerenciada on-premises, ou seja, fazia uso da infraestrutura local de redes e servidores para disponibilizar o ambiente Moodle.

Com a plataforma utilizada, a operação da instituição demandava grande flexibilidade da área de TI, já que o número de estudantes da organização aumentou bastante em um curto período de tempo. Isso significa que a organização precisava realizar altos e contínuos investimentos na sua infraestrutura para suportar o crescimento da necessidade de recursos computacionais e armazenamento, bem como garantir a segurança e alta disponibilidade do ambiente.

Após participar do Microsoft Executive Briefing Center Acadêmico, em Seattle(EUA), onde teve a oportunidade de discutir novas tecnologias para o segmento educacional, o gerente da área de TI da FIA, Eduardo Savarese Neto conheceu detalhes sobre as soluções em nuvem da Microsoft, que agregam valor para as instituições de ensino. Então escolheu o Windows Azure, plataforma que permitiu migração rápida dos serviços para a nuvem, característica que possibilitou a flexibilidade e o controle esperados de um ambiente como o da FIA.

A solução Moodle na nuvem endereçou dois pontos comuns em ambientes computacionais on-premises, sendo o primeiro deles a necessidade crescente de recursos computacionais. “O ensino à distância (EaD) evoluiu muito nos últimos anos, sobretudo com o uso cada vez mais frequente de conteúdo multimídia, comunicação em tempo real e com o crescimento do mercado de dispositivos móveis, o que torna necessário investir cada vez mais em recursos computacionais”, explicou.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Sair da versão mobile