Ações da Cisco sobem mais de 8% após divulgação de resultado e projeção acima das estimativas

0
1

Sinais de que as vendas da Cisco Systems podem começar a se estabilizar este ano, depois de uma queda consecutiva de seis meses, fez com que as ações da empresa de equipamentos de rede subissem mais de 7% no pregão da Nasdaq nesta quinta-feira, 15, um dia após a divulgação dos resultados referentes ao terceiro trimestre do ano fiscal de 2014, encerrado em 26 de abril. As ações da companhia abriram o pregão cotadas a US$ 24,27, alta de 6,4%, a qual atingiu pico de 8,06% às 11h55 (horário de Brasília), com os papéis negociados em US$ 24,65 e encerraram o dia cotadas em US$ 24,18, alta de 6,01%.

Embora a Cisco tenha apresentado declínio de 5% na receita no período, que totalizou US$ 11,5 bilhões, a cifra ficou US$ 200 milhões acima das expectativas de Wall Street. Além disso, os investidores ficaram confiantes com a projeção de receita da empresa para o trimestre em curso, de US$ 12,1 bilhões, superando as estimativas de Wall Street, que esperava receita de US$ 11,8 bilhões para o período.

A companhia fechou o terceiro trimestre fiscal com lucro líquido de US$ 2,2 bilhões, cifra 12% inferior aos US$ 2,5 bilhões obtidos em igual trimestre do exercício fiscal anterior. Já a receita totalizou US$ 11,5 bilhões, queda de 5% frente aos US$ 12,2 bilhões, na mesma base de comparação.

Na quebra da receita por unidade de negócio, a área de produtos contabilizou US$ 8,8 bilhões, recuo de 7% em relação aos US$ 9,5 bilhões obtidos no terceiro trimestre do ano fiscal de 2013. Já o segmento de serviços totalizou US$ 2,7 bilhões, crescimento de 4% quando comparado aos US$ 2,6 bilhões no mesmo período do exercício fiscal passado.

 

Deixe seu comentário