Carestream Health investe em oferecer soluções na nuvem

0
19

A Carestream Health, tradicional fornecedora de equipamentos e sistemas de imagens médicas e odontológicas, investe para oferecer suas soluções como serviço na nuvem, acompanhando a tendência de disponibilizar os exames para os médicos e também para os pacientes diretamente.

Segundo Leonardo Sasso, gerente de soluções de TI da empresa no Brasil, três clientes estão usando a plataforma VUE na nuvem, que além de gerenciar as imagens dos exames, fornece as informações necessárias tanto para os médicos quando aos pacientes, simplificando o fluxo de trabalho.

Para ele, o hospital ou clínica ao invés de investir a cada 5 anos na renovação da infraestrutura adquirida, prefere agora contratar as soluções como serviço, sem ter que despender grandes recursos financeiros. "É uma questão de medir o ROI (retorno sobre o investimento)", salienta.

A plataforma VUE é composta de soluções de radiologia, cardiologia, de fluxo de trabalho, de repositório de informações e de serviços baseados na nuvem. Para garantir a segurança e privacidade ela adota os padrões da HIPAA e hospeda os arquivos em mais de 10 datacenters ao redor do mundo, onde a empresa atua, garantindo o acesso e disponibilidade das informações em tempo real. Elas podem ser armazenadas tanto numa nuvem privada ou pública, quando há a o acesso pelo paciente. "Estamos inclusive prevendo a instalação de um datacenter do Brasil", explica Sasso.

Características

O sistema de radiologia do VUE é uma adaptação da filosofia de uma estação de trabalho de RIS + PACS + Reporting, que pode ser acessada via browser, com uma série de ferramentas agregadas, para que laudo também possa ser feito de forma remota, inclusive com gravação de voz.

O VUE para cardiologia pode consolidar sistemas distintos de laboratórios cardiovasculares para ordenamento simplificado, leitura no local ou remota, além de combinar capacidades de revisão com uma única estação de trabalho, garantindo assim a interoperabilidade dos sistemas. Ela permite ainda a construção de uma VNA (vendor neutral archive) para criar um repositório único centrado no paciente. E se acessada, inclusive, através de um tablet, tanto pelo médico como pelo paciente.

Esses recursos também permitem que se estabeleça uma ''comunidade na nuvem'', com a combinação dos recursos da plataforma, como portal, archiving, PACS e serviços de colaboração virtual, já que a Carestream tem um acervo de mais de 30 milhões de estudos gerenciados.

Deixe seu comentário