Operações de serviços financeiros móveis vão ultrapassar US$ 1 trilhão até 2024

0
21

Um novo estudo da Juniper Research contabilizou que o valor total da transação do mercado MFS (Mobile Financial Services) excederá US$ 1 trilhão em 2024; passando de US$ 580 bilhões em 2019. Esse é um crescimento de 70%. A pesquisa identificou uma gama de oportunidades inexploradas na América Latina para serviços como microfinanças, microempréstimos e transferência de dinheiro, como um dos principais impulsionadores do crescimento da MFS nos próximos cinco anos.

A "Serviços financeiros móveis em mercados emergentes: modelos de monetização e previsões de mercado 2019-2024", prevê que o número total de usuários que acessam o MFS na América Latina crescerá 20% em média anualmente nos próximos cinco anos. Prevê-se que ele cresça duas vezes mais rápido que mercados saturados, como África e Oriente Médio. Em resposta, instou os fornecedores de MFS a aproveitar a experiência existente para lançar serviços nesse mercado carente.

Também prevê que o número de usuários de MFS em todos os mercados emergentes chegará a 1,2 bilhões até 2024; contra 890 milhões em 2019. África e Oriente Médio responderão por mais de 600 milhões de usuários até 2024; devido à alta dependência de dispositivos móveis para serviços bancários

Cash In, Cash Out para responder pela metade do valor total do MFS até 2024

A pesquisa constatou que as transações do CICO (Cash In, Cash Out) serão o maior fator de crescimento do mercado de MFS; exceder um valor de US$ 590 bilhões até 2024. O CICO permite que os usuários acessem serviços bancários tradicionais, como depósitos e saques, por meio de dispositivos móveis.

O relatório instou os provedores de MFS a expandir suas redes de agentes para aumentar rapidamente as bases de clientes. Também prevê que promover a confiança entre os usuários nas transações do CICO levará à adoção de produtos MFS mais abrangentes, como microcrédito e microsseguro, no futuro.

Deixe seu comentário