IBM e banco japonês vão usar blockchain para gestão de contratos entre as duas empresas

0
1

A IBM anunciou nesta sexta-feira, 16, que assinou contrato com o Bank of Tokyo-Mitsubishi UFJ (BTMU), por meio do qual ficará responsável por inspecionar a concepção, gestão e execução de contratos entre os parceiros de negócios utilizando tecnologias de blockchain. As duas empresas vão começar a testar em pequena escala os detalhes operacionais antes do lançamento para automatizar as transações comerciais entre as duas empresas.

Embora tenha como uma de suas aplicações mais populares a moeda digital bitcoin, o blockchain é a estrutura de dados que representa uma entrada de contabilidade financeira ou o registro de uma transação.

Este é um dos primeiros projetos construídos dentro da estrutura do Hyperledger Project, uma plataforma blockchain open source que permite usar blockchain para gestão de contratos na vida real, que ficará hospedada no IBM Cloud, serviço de nuvem da companhia.

A IBM e o BTMU desenvolveram um protótipo de contratos inteligentes de blockchain para melhorar a eficiência e a responsabilização dos acordos de nível de serviço (SLAs) em transações de negócios. O banco planeja começar a usar blockchain para gerenciar contratos já a partir do seu ano fiscal de 2017. Além disso, a IBM e a BTMU objetivo de gerir os acordos entre as duas empresas com o sistema até o final do ano fiscal de 2017, que começa em abril do ano que vem.

Para ajudar a melhorar a eficiência da plataforma de blockchain, IBM e BTMU irão monitorar a entrega e utilização de equipamentos com um sensor que incorpora informações no blockchain, que ficará responsável pela automatização do processo de faturamento e pagamento entre as duas empresas.

"A tecnologia blockchain tem potencial de mudar não só o mundo financeiro, mas também outras áreas de negócios, levando à melhoria da eficiência dos processos de negócios", disse Motoi Mitsuishi, vice-presidente executivo do BTMU Ásia e Oceania. "Hoje, estamos embarcando em uma viagem com a IBM para explorar o potencial dessa nova tecnologia. Estamos muito satisfeitos com o resultado da primeira prova de implantação do conceito de blockchain e de trabalhar com IBM Global Business Services."

Para o vice-presidente sênior de plataformas da IBM Industry, o acordo do o BTMU amplia a experiência da empresa em ajudar os clientes a identificar os projetos certos e "construir soluções blockchain para resolver problemas do dia adia de forma mais eficaz". "O blockchain vai reinventar complexidade de transações multipartes de modelos de negócios baseados em contratos, especialmente em serviços bancários e financeiros", disse.

A IBM também anunciou o lançamento do primeiro centro global de pesquisa e inovação em blockchain Cingapura, em colaboração com o Conselho de Desenvolvimento Econômico de Cingapura e da Autoridade Monetária de Cingapura.

Deixe seu comentário