Publicidade
Início Notícias Inovação AES seleciona três startups para aceleração

AES seleciona três startups para aceleração

1
Publicidade

A AES Brasil selecionou três startups em seu 3º ciclo de aceleração em parceria com a Liga Ventures , maior ponte para fomentar a geração de negócios entre grandes empresas e startups. Ao longo do processo, o programa contou com mais de 260 inscrições e as startups contempladas terão a oportunidade de cocriar projetos relacionados aos desafios internos mapeados pela companhia.

Entre os desafios mapeados pela companhia para esse ciclo estão: soluções para estruturação, análise e visualização de dados; soluções para curadoria de conteúdo de monitoramento de mercado; e soluções para gestão de departamento jurídico.

“Neste ciclo, buscamos startups maduras que pudessem desenvolver soluções inovadoras e tangíveis aos desafios propostos pelas áreas Comercial, Financeiro, Jurídico e Regulatório da empresa. Junto à Liga Ventures iremos validar essas soluções por meio de provas de conceito para que, ao final do programa, as startups possam se tornar fornecedoras e parceiras da AES Brasil. Acreditamos que a aproximação com o ecossistema de inovação reforça nossa visão estratégica e impulsiona o futuro do setor elétrico”, afirma Julia Rodrigues, gerente de P&D e Inovação da AES Brasil.

Durante quatro meses, as startups contarão com o acompanhamento dos especialistas e da rede de mentores das corporações parceiras, além do apoio e orientação da Liga Ventures, que possui grande expertise no ecossistema de inovação e já foi responsável por programas de sucesso com mais de 50 empresas, acelerando mais de 350 startups, em mais de 50 ciclos de aceleração.

“Este é nosso terceiro ciclo em parceria com a AES Brasil e, diferente dos anteriores, dessa vez nós apostamos na busca por startups com potencial para propor soluções que pudessem auxiliar na resolução de desafios internos da empresa. O objetivo é gerar valor para a companhia, ao mesmo tempo em que ajudamos a startup a desenvolver seus negócios com auxílio de especialistas que possam orientá-los nesse processo”, afirma Rogério Tamassia, cofundador da Liga Ventures.

Conheça as startups selecionadas:

Crawly

A Crawly automatiza a busca por dados não estruturados em grande escala para empresas. Áreas como pricing, riscos, compliance e outras que precisam de levantar dados, informações e documentos em fontes diversas manualmente, passam a realizar em minutos o que antes demandava semanas, gerando saltos em produtividade e economia.

Oncase

A Oncase possui uma série de produtos técnicos que aceleram qualquer trabalho com dados e uma metodologia de co-criação ágil para construção de soluções inovadoras data-driven. Além dessa frente consultiva, a Oncase possui o Scora Journey, que reúne todos os dados da Jornada do Cliente em um único local e, por meio de uma inteligência artificial, extrai insights que ajudam as corporações a atuarem de forma personalizada por conhecer cada vez mais seus consumidores e aumentar a eficiência das áreas de vendas, marketing e atendimento.

Projuris

Plataforma de Inteligência Legal. Entregam tecnologia para tornar rotinas mais ágeis, seguras e precisas, eliminando riscos, falhas e possibilitando desenvolver e ampliar o desempenho dos profissionais que confiam na Projuris.

1 COMENTÁRIO

Deixe seu comentário

Sair da versão mobile