Comércio eletrônico fatura R$ 11,89 bi na semana do consumidor

0
0

O Dia do Consumidor é uma data comercial que começa a ganhar espaço e visibilidade no Brasil: com promoções estendidas durante toda a semana que antecede a data (este ano comemorada no dia 15 de março), o e-commerce obteve faturamento de R$ 1,89 bilhão, valor que representa aumento de 19% em relação ao mesmo período do ano passado.

A cifra está relacionada ao maior volume de pedidos realizados este ano: foram 4,3 milhões de compras, 22% mais do que no mesmo período de 2019. Apesar disso, os brasileiros contiveram os gastos: o tíquete médio registrado foi de R$ 438,97, 2% menor do que o registrado no ano passado.

Apesar da alta significativa, o número está alinhado às expectativas de faturamento do varejo digital e, portanto, não representa um salto tão significativo quando colocado em uma perspectiva de linha do tempo. Segundo o Compre&Confie, houve aumento expressivo no volume de compras no início da semana impulsionado por investimentos na divulgação e preços competitivos.

No final de semana, no entanto, houve perda da força devido às notícias da pandemia de covid-19. A expectativa é que o e-commerce seja uma oportunidade para varejistas, pois neste momento as pessoas darão ainda mais preferência para compras à distância, aponta a consultoria.

Para gerar o estudo, a companhia considerou o período de 09 a 15 de março de 2020 ante 11 a 17 de março de 2019. Nesse recorte, as categorias que tiveram maior volume de compras este ano foram: Moda e Acessórios (responsável por 13% dos pedidos realizados), Beleza, Perfumaria e Saúde (11%), Entretenimento (9%), Artigos para a Casa (5%) e Eletrodomésticos e Ventilação (5%).

Deixe seu comentário