Publicidade
Início Notícias Negócios Departamento de Justiça dos EUA processa Adobe por ocultar taxas de rescisão...

Departamento de Justiça dos EUA processa Adobe por ocultar taxas de rescisão e dificultar o cancelamento de assinaturas

0
Publicidade

O Departamento de Justiça dos EUA entrou com uma ação contra a Adobe , alegando que a empresa engana os consumidores, ocultando a taxa de rescisão antecipada e dificultando o cancelamento de suas assinaturas, informou o site Tech Crunch.

Na reclamação apresentada nesta segunda-feira, 17, o DOJ relatou que “a Adobe prejudicou os consumidores ao inscrevê-los em seu plano de assinatura padrão e mais lucrativo, sem divulgar claramente os termos importantes do plano”.

O governo diz que a Adobe incentivou os consumidores a adotarem a assinatura “anual paga mensalmente” sem informá-los de que cancelar o plano no primeiro ano custaria centenas de dólares.

A Adobe só divulga as taxas de rescisão antecipada quando os assinantes tentam cancelar e transforma a taxa de rescisão antecipada em uma “ferramenta poderosa de retenção”, prendendo os consumidores em assinaturas que eles não desejam mais, diz a denúncia.

A Adobe mudou para um modelo de assinatura em 2012 e começou a exigir que os consumidores pagassem pelo acesso ao software da empresa de forma recorrente. No passado, os usuários podiam acessar o software da empresa mediante o pagamento de uma taxa única.

As assinaturas representam a maior parte da receita da empresa, de acordo com a Comissão Federal de Comércio, que lançou um processo semelhante contra a Amazon no ano passado, dizendo que isso complica “conscientemente” a capacidade dos clientes de seu serviço Prime de cancelar suas assinaturas.

A Adobe afirma que planeja refutar as reivindicações no tribunal.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Sair da versão mobile