Publicidade
Início Segurança Gestão de Risco Governo edita decreto que cria Política de Governança Digital para órgãos da...

Governo edita decreto que cria Política de Governança Digital para órgãos da administração federal

0
Publicidade

O governo federal publicou nesta segunda-feira, 18, no Diário Oficial da União (DOU), decreto que institui a Política de Governança Digital para os órgãos e entidades da administração pública federal direta, autárquica e fundacional.

O objetivo, segundo o governo, é gerar benefícios para a sociedade mediante o uso da informação e dos recursos de tecnologia da informação e comunicações (TIC) na prestação de serviços públicos, bem como estimular a participação da sociedade na formulação, implementação, monitoramento e avaliação das políticas públicas e dos serviços públicos disponibilizados em meio digital.

A norma estabelece que o autosserviço será a forma prioritária de prestação de serviços públicos disponibilizados em meio digital para o cidadão, sem auxílio do órgão ou da entidade ofertante do serviço. Além disso, determina que sejam oferecidos canais digitais de participação social na formulação, implementação, monitoramento e avaliação das políticas públicas e dos serviços públicos disponibilizados em meio digital. Também estipula que os dados serão disponibilizados em formato aberto, amplamente acessível e utilizável por pessoas e máquinas, assegurados os direitos à segurança e à privacidade.

Dois outros pontos definidos pelo Decreto 8.638, editado pela presidente Dilma Roussef, são a governança digital e o plano diretor de tecnologia da informação e comunicações. O primeiro determina a utilização pelo setor público de recursos de TIC com o objetivo de melhorar a disponibilização de informação e a prestação de serviços públicos, incentivar a participação da sociedade no processo de tomada de decisão e aprimorar os níveis de responsabilidade, transparência e efetividade do governo. Já o plano diretor funcionará como instrumento de diagnóstico, planejamento e gestão dos recursos e processos de TIC, com o objetivo de atender às necessidades de informação de órgão ou entidade para determinado período.

A norma também cria a rede de conhecimento, constituída para permitir a interação, o debate, criação, aprimoramento e a disseminação de conhecimento sobre assuntos relativos à governança digital e a temas correlatos. O Ministério do Planejamento será o responsável por estabelecer essas redes.

SEM COMENTÁRIOS

Deixe seu comentário

Sair da versão mobile