Receita da Infor cresce 10% no último trimestre do ano fiscal de 2013

0
4

A Infor reportou crescimento de 10% na receita de novas licenças de software e assinaturas entre os meses de março e maio, que compõem o último trimestre do seu ano fiscal de 2013.

A comparação toma como referência o mesmo período do ano fiscal de 2012. "O bom resultado da Infor é reflexo da necessidade do mercado de novas opções de softwares empresariais", afirma Ivamar Sousa, vice-presidente de vendas da Infor para a América Latina.

No ano fiscal 2013, a companhia investiu US$ 350 milhões em pesquisa e desenvolvimento e conquistou 3 mil novos clientes globais. No Brasil, por exemplo, incluiu na sua carteira empresas como a CPFL Geração e a Brandili.

Além disso, lançou novos produtos no mercado, com destaque para o Infor 10x, uma nova geração de tecnologias empresariais, que oferece funcionalidades sociais, móveis, analíticas e em nuvem para que os softwares empresariais sejam mais flexíveis, ágeis e fáceis de usar.

Outra novidade foi a plataforma colaborativa Infor Ming.le, com a qual o usuário tem uma experiência semelhante à de redes sociais. A ferramenta fornece dados relevantes e conexão entre colaboradores para reduzir a dependência de processos menos eficientes, como e-mail.

Os colaboradores podem não apenas conversar sobre questões de trabalho, como também resolvê-las no próprio aplicativo, o que gera aumento na produtividade.

A Infor também anunciou que planeja lançar mais de 300 novos produtos e 11 mil novos recursos, o que representa crescimento de 150% e 100%, respectivamente, em relação níveis recordes atingidos no ano fiscal de 2012.

Deixe seu comentário