Abradi-SP lança guias de e-commerce 2017

0
0

A ABRADi-SP, com apoio da BCX.Agency, vai distribuir na Feira do Empreendedor 2017 do Sebrae-SP, dois guias totalmente novos, o Guia de e-commerce ABRADi-SP 2017 e o Guia Prático: Quanto custa um e-commerce?

"O Guia de e-commerce ABRADi-SP 2017 ajuda o empreendedor a ter sucesso em sua jornada. O principal ganho é o entendimento da persona ou cliente principal da loja. Além disso, inserir um plano de validação antes de investir completamente pode redirecionar o negócio e inseri-lo no caminho do sucesso. Muitos e-commerces não vão para frente por que a proposta não foi validada. Outros estão com propostas corretas porém bugs de ferramenta ou legislação. O erro mais comum no iniciante é o desprezo com o trabalho de fotos e vídeos. E não basta uma boa plataforma, não há como ter sucesso no e-commerce sem um bom trabalho de marketing digital", declara Roberto Calderon, presidente do Comitê de e-commerce que criou o Guia, diretor da ABRADi-SP e CEO da BCX.Agency, agência especializada em negócios.

Para o consultor do Sebrae-SP, Diego Smorigo, o caminho do e-commerce é longo e exige dedicação. Um mercado que movimentará até o ano de 2021 o montante de R$ 84,7 bilhões (fonte:Forrester/Google) exigirá mais profissionalismo. "O e-commerce é uma das maiores apostas desta edição da Feira do Empreendedor do Sebrae-SP. Atualmente, mais de 70% dos empreendedores de e-commerce são PMEs e este é um mercado promissor. Hoje, mais de 70% do mercado é dominado por pequenas empresas, é uma excelente opção para novos negócios, mas é preciso estar preparado e ter um bom plano de negócios."

O Guia de e-commerce ABRADi-SP 2017 foi desenvolvido a partir de um comitê de 19 especialistas em e-commerce do Brasil todo em diferentes segmentos. Com 12 capítulos, o Guia apresenta os principais pilares que levam ao sucesso de uma loja virtual. Capítulo 1. Planejamento e Gestão; 2.Contabilidade; 3. Plataforma e Cloud; 4. Conteúdos; 5.Fotos; 6. ERP e Integrações; 7. Marketing – subdividido em Marketing Digital, Marketplace e Atendimento; 8. Fraude e Validações; 9. Jurídico; 10. Pagamentos; 11. Operações e Logística; 12. Equipe.

Já o Guia Prático: Quanto custa um e-commerce?, como o próprio nome diz, abre os valores para cada tipo de negócio, de iniciantes a profissionais e passa uma ideia de custos mínimos para viabilizar o projeto. Neste Guia, ele terá uma espécie de simulação real de custos conforme escolhe o que e onde investirá. "O Guia Prático: Quanto custa um e-commerce? tem um importante papel na tomada de decisões do empreendedor que deseja começar seu negócio. Saber fazer as contas de quanto é preciso para montar e do valor para manter o projeto podem fazer toda a diferença no sucesso do negócio", explica Roberto Calderon, especialista da ABRADi-SP que desenvolveu o Guia Prático junto com o SEBRAE-SP.

A versão online pode ser baixada gratuitamente nos sites http://www.valores-ecommerce.com.br e http://comunicacao.abradi-sp.com.br/guia-de-e-commerce-2017

Deixe seu comentário