Comitê especial da Dell rejeita proposta de megainvestidor

0
12

Em comunicado emitido na terça-feira, 18, em resposta à nova proposta feita pelo megainvestidor e acionista Carl Icahn para recompra de ações da Dell, o comitê especial da empresa declarou que o "conceito de Icahn não é, no presente momento, uma transação que o comitê poderá apoiar e executar". Entre as justificativas para a rejeição à oferta, a nota cita que não há financiamento nem comprometimento de nenhuma das partes participantes ou solução para a companhia e seus acionistas caso a transação não seja consumada.

O megainvestidor enviou carta aberta aos acionistas propondo que a Dell faça sua oferta pública de aproximadamente 1,1 bilhão de ações pelo preço de US$ 14 a ação. O objetivo é derrubar a oferta feita pelo consórcio formado pelo CEO Michael Dell e o fundo de private equity Silver Lake Partners, de US$ 13,65 a ação, ou US$ 24,4 bilhões no total, para adquirir todas as ações da fabricante de PCs. Ainda na terça-feira, Icahn praticamente dobrou sua participação na empresa com a compra de cerca de 72 milhões de ações do fundo de investimento Southeastern Asset Management, acumulando 152 milhões de ações, o equivalente a aproximadamente 8,7% dos papéis pendentes da Dell, o que reforçaria a posição do investidor de não fechar o capital da companhia.

O comitê especial explicou que, revisando a proposta do investidor, ela está bem abaixo da proposta original de recompra por US$ 15 a ação, e aparentemente equaciona um dividendo de US$ 10 por ação em vez dos US$ 12 por ação prometidos inicialmente por Icahn. "Além disso, o conceito não trata adequadamente os problemas de liquidez e outros riscos já sinalizados pelo comitê anteriormente."

O comunicado reitera que anteriormente foram solicitadas informações financeiras para Ichan e a Southeastern em conexão com a ideia de descapitalização anterior, e os pedidos continuam em aberto e são igualmente relevantes em relação à última proposta. "O comitê considerará toda e qualquer informação fornecida por Icahn. Contudo, na ausência de uma proposta de recurso que daria mais valor aos acionistas, continuamos recomendando a transação pendente e totalmente financiada de US$ 13,65 a ação." A votação dos acionistas da Dell para a proposta de fechamento do capital está agendada para 18 de julho.

Deixe seu comentário