Tablets já respondem por 35% das vendas de itens de informática no país

0
0

As vendas de tablets no país avançaram 151% no segundo trimestre deste ano na comparação com o mesmo período de 2012, totalizando 1,92 milhão de unidades, sendo 82% dos compradores usuários domésticos e 18% corporativos, segundo dados da IDC. Com isso, os equipamentos já respondem por 35% dos itens de informática vendidos no Brasil, superados apenas pelos notebooks, que representaram 38% das vendas no trimestre, enquanto os computadores de mesa (desktops) foram responsáveis por 27% do total.

Em relação ao sistema operacional, 95% dos tablets comercializados no período operavam com o Android, do Google, contra 68% no segundo trimestre de 2012. A fatia de equipamentos de baixo custo, com preço de até R$ 500, dominou as vendas entre abril e junho, com 55% do total. O preço médio dos tablets caiu de R$ 968 no segundo trimestre de 2012 para R$ 628 no mesmo período deste ano.

De acordo com Pedro Hagge, analista da IDC, a expectativa para o ano é que sejam vendidos 7,2 milhões de tablets, 120% a mais do que o registrado no ano passado. "Apesar do domínio dos equipamentos mais baratos, vale a pena salientar que os fabricantes estão fazendo investimentos para melhorar a qualidade e evitar a frustração dos consumidores. Em médio prazo, isso deve levar a uma elevação no preço médio dos tablets", comenta o analista.

Deixe seu comentário