Oito em cada dez brasileiros já utilizaram inteligência artificial ao menos uma vez

0
0

De acordo com um estudo da Lambda3, empresa de tecnologia e negócios digitais, 80% dos brasileiros entrevistados para a pesquisa já utilizaram inteligência artificial (AI) pelo menos uma vez. Segmentada por regiões, faixa etária e sexo, a pesquisa revela que os millennials (nascidos de 1980 até 1995) lideram o ranking dos que mais aproveitam desta tecnologia. Além disso, os homens disseram recorrer mais às aplicações que dispõem de IA.

Os pesquisadores explicam que 20% da população que afirma que nunca usou AI já faz uso de aplicativos como Waze, Google Maps, Facebook, Instagram, entre outros, o que indica que parte delas provavelmente já usou inteligência artificial em algum processo, como para calcular a melhor rota em um trajeto, e não sabe. Quando questionadas sobre a primeira lembrança ao mencionar AI, a maior parte das respostas está ligada a Robôs, com 7% da população ainda faz relação com ficção científica.

A pesquisa também apontou que o Sul do Brasil é a região que mais recorre a essas soluções, seguida do Sudeste, Centro-Oeste, Nordeste e Norte. Vale ressaltar que as maiores concentrações de parques tecnológicos em operação ou implantação em todo o país estão no Sul e Sudeste, como a Tecnopuc, no Rio Grande do Sul, que abriga cerca de 120 empresas, sendo em sua maioria pequenas e médias, que buscam aplicar seus conhecimentos no ambiente mercadológico, que muda constantemente.

Já a capital paulista é sede de inúmeras empresas do ramo da tecnologia, além de ser palco de seus principais eventos. Cidades como São Carlos, Santos e Ribeirão Preto também são reconhecidas na área, mas os maiores destaques ficam para Campinas e São José dos Campos. Destacam-se também, Belo Horizonte (MG), com o San Pedro Valley, e Santa Rita do Sapucaí (MG), com o Vale da Eletrônica.

Além da própria área de tecnologia, o estudo apontou que os setores financeiro, de informação e comunicação, saúde, eletrônico, varejista e agrícola, nesta respectiva ordem, são os que têm maior potencial de crescimento. As cinco empresas mais lembradas do segmento foram Google, IBM, Microsoft, Amazon e Facebook.

Deixe seu comentário