Microsoft amplia suporte técnico e de nuvem para ONGs

0
0

A Microsoft anuncia que irá dedicar US$ 35 milhões para dobrar os créditos de apoio às organizações sem fins lucrativos (ONGs) para uso em suporte técnico e de recursos de nuvem, na Microsoft Azure. A iniciativa está inserida no projeto Tech for Social Impac, que também aumenta os benefícios do Windows e adiciona novos serviços gratuitos para ajudar as instituições no combate à Covid-19.

"Ouvimos inúmeras histórias de ONGs que estão fazendo a transição para um ambiente de trabalho remoto enquanto continuam seus serviços, como ajudar crianças e famílias em risco durante a crise. Apreciamos profundamente o trabalho heróico dessas organizações em todo o mundo e continuamos firmes em nossos esforços para ajudar a liberar recursos escassos, apoiar e dar treinamento para trabalho remoto e permitir que as organizações utilizem com segurança a análise de dados em seu combate à COVID-19", diz Justin Spelhaug, gerente geral na Microsoft Philanthropies.

O compromisso envolve:

Elegibilidade:

  • A oferta é prioritariamente para organizações sem fins lucrativos de cuidados intensivos e emergenciais, limitadas a: apoio à saúde, serviços humanitários, segurança pública, alimentação e nutrição, apoio à habitação e organizações de pesquisa da COVID-19.
  • Está ativa para ONGs elegíveis entre hoje e 30 de junho de 2020.

Benefícios:

  • Dobre os créditos do Azure para organizações sem fins lucrativos especificadas de US $ 3.500 para US $ 7.000 (devem ser usados em 12 meses)
  • Para oferecer suporte aos cenários possíveis do Windows Virtual Desktop, a empresa está disponibilizando 100 licenças do Windows Upgrade por meio de uma doação da TechSoup. Isso inclui uma avaliação do Windows Enterprise E3 para até 100 "cadeiras" por seis meses. Isso fornecerá as licenças básicas do sistema operacional, garantindo o aproveitamento de todos os recursos do Windows Virtual Desktop para organizações de médio porte.
  • Para ajudar as organizações em uma rápida implantação, três novos serviços remotos são oferecidos gratuitamente:
  • Azure Onboarding Concierge: Para ajudar as organizações a configurar assinaturas de crédito do Azure, entender as funções de administrador, gerenciar custos e seguir práticas recomendadas de governança.
  • Windows Virtual Desktop Help Desk: Para apoiar organizações com perguntas técnicas durante a implantação do Windows Virtual Desktop e envolver as empresas com apartner ou FastTrack no suporte estendido de longo prazo, a fim de garantir uma implantação eficaz.
  • Microsoft Community Training (MCT) Concierge: O Microsoft Community Training oferece suporte ao aprendizado personalizado para uma comunidade ampla e baseada em dispositivos móveis. Este serviço fornece uma visão geral do conteúdo disponível e auxilia na configuração e implantação.

Começando:

  • Organizações elegíveis já existentes: veja os benefícios no Microsoft Nonprofit Portal clicando na oferta de resposta ao COVID-19 e inicie o provisionamento
  • Novas organizações elegíveis: Comece registrando-se no Microsoft Nonprofit Portal clicando em "começar" para iniciar o processo de validação e, uma vez aprovado como uma ONG qualificada que atenda aos requisitos de atendimento crítico e emergencial, o portal da Microsoft apresentará a oferta de combate ao COVID-19

A Microsoft também informa que ouviu muitas organizações que respondem ao COVID-19 sobre a necessidade de organizar e gerar insights acionáveis a partir de seus dados. Para apoiar isso, foi anunciado que o Banco de dados sem fins lucrativos para ONGs está disponível para todas as instituições, o que as ajuda a integrar fontes de dados diferentes em um único banco de dados e visualizar as informações via PowerBI. Com essa ferramenta, as organizações podem aproveitar o poder dos dados para determinar o uso mais eficiente dos recursos e apoiar mais efetivamente as comunidades locais nesse momento desafiador.

Este anúncio faz parte de um compromisso maior da Microsoft em combater a Covid-19 e seu trabalho contínuo para oferecer suporte à educação remota e capacitar estudantes de todo o mundo, permitir que empresas trabalhem em casa, garantir suprimentos médicos necessários e apoiar as comunidades locais.

Deixe seu comentário